Ir para o conteúdo principal

Terça-feira, 23 de Maio de 2017

Dia dos bobos



Camila Adamolli

Imagem da Matéria

Por Rafael Berthold, advogado (OAB-RS nº 62.120)

Rafael@seb.adv.br

Faltam ainda 15 minutos quando o advogado chega à agência do INSS, portando o documento que indica a data e o horário agendados: 1º.04, 10h da manhã.

Já passa das 10h quando ele é recebido pela servidora que faz a triagem. Ela indaga:

O que o senhor quer aqui?

Eu só quero protocolar este recurso.

Isso não é aqui, doutor! O senhor tem que entrar pela outra porta, onde tem outra triagem.

O advogado sai do prédio, contorna-o e ingressa pela outra entrada. Encontra mais uma enorme fila. Para piorar, o servidor encarregado da triagem só chega minutos depois. O causídico começa a se preocupar com seus outros compromissos marcados.

Já passam das 11h, quando o advogado é chamado para a segunda triagem.

Só quero protocolar este recurso - informa o profissional da advocacia.

Ok. Aqui está sua senha. Dirija-se à sala nº 3 e aguarde ser chamado.

O advogado encontra a sala nº 3 abarrotada de gente. Constata, pelo monitor, que existem 150 pessoas para serem atendidas antes dele. Então retorna ao setor de triagem para ponderar:

Senhor, eu agendei o protocolo deste recurso para hoje às 10h da manhã. Cheguei antes do horário, passei por duas triagens, e agora sou o número 150 da fila. E observei que, antes de mim, serão atendidos idosos, portadores de necessidades especiais etc. que levarão muito tempo. Eu só quero protocolar este recurso! É o tempo de um carimbo!

Deixe-me ver o seu agendamento!

O atendente analisa o papel, dá uma gargalhada e exclama:

Primeiro de abril! Hoje é dia dos bobos!

O advogado sente-se aliviado.

Quer dizer que era tudo brincadeira?

Não! Só fiz essa constatação ao ver a data aqui no agendamento. O senhor pode ir para o fim da fila aguardar sua chamada.

E não adianta ligar para a ouvidoria, chamar o supervisor, olhar com cara feia, praguejar aos quatro ventos. O advogado só consegue fazer o protocolo duas horas depois.

E isso que, no atendimento final, a servidora chega a exigir os documentos originais de seu representado. Mas diante da insistência do causídico, a moça conversa com o seu superior que libera o protocolo. Ela volta sorridente.

O chefe liberou o protocolo para o senhor. Ele nunca faz isso. Parabéns! Hoje deve ser o seu dia.

E percebendo a ironia, conclui o advogado:

Sem dúvida. Hoje é o meu dia...


Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

O juiz salvador

Uma piada da “rádio-corredor” da OAB nacional ironiza como, em algum lugar do universo, um magistrado teria salvo um notório político que estava se afogando numa praia deserta...

Charge de Gerson Kauer

Os direitos trabalhistas do anjo da guarda

 

Os direitos trabalhistas do anjo da guarda

O advogado tem, cedo na manhã de segunda-feira, uma consulta jurídica a atender. O cliente pretende o ingresso de uma ação trabalhista. O profissional da Advocacia escuta, anota e conclui que a solução está no atendimento por um psicólogo.

Charge de Gerson Kauer

Pesadelo jurisdicional

 

Pesadelo jurisdicional

Na madrugada, em meio a um sonho conturbado, a juíza é interpelada pela ´Jurisdição´ e admite: "a estagiariocracia é uma moderna técnica de gestão! Está dando tão certo que até estou conseguindo começar meus fins-de-semana nas quintas-feiras".