Ir para o conteúdo principal

Terça-feira, 27 de Junho de 2017

Potins desta terça-feira



Imagem da Matéria

 Atualmente apertados...

Na primeira eleição após a proibição de doações de empresas a partidos e candidatos, menos de mês da votação, 51% dos 16.349 políticos que disputam as 5.568 prefeituras do País não arrecadaram um centavo sequer. Foi registrado nas contas dos demais, somados, R$ 248 milhões, o que representa uma queda de 46% em relação ao que ocorreu em 2012.

Além dos 8.269 candidatos que declararam ter receita zero até a sexta-feira (2), outros 3.901 (24% do total) registraram arrecadação inferior a R$ 10 mil.

O autofinanciamento já corresponde a 43% do total arrecadado. O interessante levantamento, sobre políticos (atualmente...) apertados, é do jornal O Estado de S. Paulo.

• Nas nuvens

A área econômica do governo Temer estuda desregulamentar a atividade bancária: uma das possíveis medidas seria deixar as instituições financeiras concorrerem entre si, principalmente para baixar os preços das tarifas.

Os bancos seguem ganhando dinheiro às derramas. O grande cliente continua sendo o governo: paga 14,5% de juros ao mês.

 Políticos safados (1)

A Lava Jato completou, semana passada, no dia 28, dois anos sem nenhum político condenado e só dois parlamentares réus em ações penais que estão ainda em fase inicial de julgamento no Supremo.

Toda a investigação já gerou 81 inquéritos que envolvem 364 pessoas que detêm ou não foro especial por prerrogativa de função. São 54 parlamentares, além de ministros do TCU.

E assim a vida vai.

 Políticos safados (2)

A ´rádio-corredor´ do Conselho Federal da OAB passou a transmitir ontem (5) uma má notícia. Estaria ganhando corpo no Congresso um projeto de lei para anistiar os crimes de caixa 2 cometidos até a eleição de 2014.

Se passar, vai ajudar – e muito – um ´saco de gatos´, entre os quais a turma da Lava Jato.

 Bocas ricas

Três brasileiros ocupam rendosos cargos no primeiro escalão da Organização dos Estados Americanos, que tem sete cargos diretivos cobiçados.

Estão por lá três petistas de primeira ordem: Ideli Salvatti (ex-secretária de Desenvolvimento Social), Paulina Duarte (ex-secretária de Segurança Multidimensional) e Paulo Abrão (ex-secretário de Direitos Humanos). Cada um ganha US$ 180 mil por ano.

A OEA é uma organização internacional criada em 1948, com sede em Washington (EUA); seus membros são as 35 nações independentes do continente americano. A propósito: o Brasil lhe deve US$ 27 milhões.

 Deslocamentos perigosos

Dados do mais recente Anuário de Saúde do Trabalhador, elaborado pelo Dieese, mostram que o número de acidentes de trabalho registrados no INSS deu um salto de 43% em dez anos, somando 559 mil casos em 2013 (últimos dados disponíveis).

O acidente típico de trabalho — que ocorre na execução do serviço — é o mais comum, respondendo por 77% do total de casos.

Mas o tipo que mais cresceu em uma década foram os acidentes durante o deslocamento casa-trabalho-casa, que dobraram no período. Nesse trajeto, o total de acidentes passou de 49 mil para 111 mil.

• Vítimas do calote

A lista de credores da Oi passou de uma estimativa (de julho) de 51.830 para 66.705, entre pessoas físicas, fornecedores de diferentes portes e instituições financeiras, conforme nota recente divulgada pela empresa; é um aumento de 28%.

Em recuperação judicial desde junho, a tele carioca tem dívidas de R$ 65 bilhões.

Quando a Oi entrou com o pedido de recuperação no Tribunal de Justiça do Rio, a lista estimava inicialmente 13 mil credores.

 Bandidos soltos

Ao mandar soltar três pessoas presas em flagrante - acusadas de contrabando e descaminho - o juiz Carlos Alberto Simões de Tomaz, da 17ª Vara da Justiça Federal em Minas Gerais, entendeu que não havia justa causa para a manutenção das prisões.

Conforme o magistrado, “efetivamente, os custodiados estão a ganhar seu pão, enquanto os bandidos deste país, que deveriam estar presos, estão soltos dando golpe na democracia”.

As três decisões foram tomadas durante o plantão judiciário de 27 de agosto, final de semana que antecedeu a votação no Senado do impeachment de Dilma Rousseff. Em um dos casos, a polícia encontrou o acusado vendendo cigarros de origem estrangeira. (Proc. nº 00514353520164013800).

 Sem fio...

Adivinhem qual a senha para acessar o wireless da internet na sede do diretório nacional do PT em São Paulo?

Acertou quem cravou #foratemer.

Tudo em minúsculas.


Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Potins desta terça-feira

* STJ afasta condenação da Rede Globo no caso da novela Filhas da Mãe * Trabalhador que vai de carro para o trabalho não tem direito ao vale-transporte * Construcard, da Caixa Federal, não é título executivo extrajudicial.

Potins desta terça-feira

* Magistrado gaúcho recebe grau “A” em dissertação sobre Tribunal do Mercosul * Mantida demissão de juiz que compareceu bêbado a fórum * Acidente de trajeto quando trabalhadora é atingida por pedrada em ônibus fornecido pela empregadora * Ex-governador do Rio mira em três cabeças do STJ, três do TRF-2 e quase 20 do TJ do Rio * Cresce o consumo de medicamentos contra o estresse.

Potins desta terça-feira

* 27 carros do ano para os desembargadores do TJ do Amazonas * Ex-governador do Rio pode ganhar hoje (2) sua liberdade * Os muitos milhões de Antonio Palocci * O leitor sabe o que significam Regorafenibe e Soliris? * Por que alguns deputados estão evitando viagens aéreas? O fim da festa do colar no tribunal

Potins desta terça-feira

* Tribunal absolve juiz que sacou arma contra desembargador * Há 16.293 sindicatos no Brasil; nos EUA são apenas 130 * A falácia política de que "minhas contas foram aprovadas pela Justiça* TRF-4 assegura que papagaio continue com idosa (84 anos), com quem convive desde 1987.

Potins desta sexta-feira

* O “avanço vocabular”: mais algumas pérolas verborrágicas de Michel Temer * A cusparada que virou pizza...com saliva * Leitor pergunta se a demora em julgar a liminar do “auxílio-moradia” é abuso de autoridade?... * A aposentadoria integral de servidores por invalidez * Vínculo empregatício de faxineira que trabalhava dois dias por semana * Gilmar Mendes diz que o TST é “laboratório do PT”.