Ir para o conteúdo principal

Terça-feira, 28 de Março de 2017

Potins desta sexta-feira



  Riscos de fuga

A Polícia Federal diz ter identificado o risco de o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega fugir do Brasil entre setembro e outubro deste ano, o que justificaria sua prisão temporária. Nascido na Itália, ele tem dupla cidadania.

Investigadores relatam, em conversas reservadas, que Mantega e a mulher, Eliane Berger, estavam com passagens compradas para Paris com embarque marcado para o dia seguinte ao da detenção, ocorrida na última quinta-feira (22) e revogada no mesmo dia.

  “Tropeço na democracia”...

O comentário entre aspas, aí de cima, de autoria de Ricardo Lewandowski, foi feito esta semana durante uma de suas aulas na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo, onde ele leciona Teoria do Estado.

Lewandowski também criticou o presidencialismo de coalizão, que considerou ser fruto da Constituição de 1988, com o aumento do número de partidos, mas “também um erro do Supremo, ao acabar com a cláusula de barreiras – e que deu no que deu”.

  Toffoli impedido?

O ministro José Antônio Dias Toffoli pode ficar impedido de atuar, no STF, em casos que envolvam a empreiteira Queiroz Galvão.

É que Toffoli – quando era advogado do PT - foi contratado, em 2005, pelo então vice-presidente consultivo do conselho da empresa, José Antonio de Queiroz Galvão, para representar o consórcio liderado pela empresa em processo administrativo que tramitava no Tribunal de Contas da União sobre indícios de superfaturamento.

As informações são da ´rádio-corredor´ da OAB de Brasília.

 Peças (não) defeituosas

Quase um ano após a polêmica campanha publicitária que comparou transexuais a carros com peças defeituosas, a agência de propaganda Leo Burnett assinou um acordo com a Defensoria Pública de São Paulo.

Proposto pela instituição, o termo prevê que a empresa desenvolva – sem custos para o Estado - propagandas para estimular o respeito a travestis e transexuais.

 A voz das ruas

• O fato de a Polícia Federal ter botado a mão em Guido Mantega bem na hora da cirurgia da esposa do ex-ministro foi apenas coincidência de operações...

• O codinome de “Carequinha” para o ministro da Justiça Alexandre de Moraes seria uma falta de respeito à memória do Palhaço Carequinha.

 Ladrão de...

Transitou em julgado a decisão do STF que rejeitou queixa-crime do ex-presidente da CBF José Maria Marin contra o senador Romário.

Marin acusava o baixinho de ter ofendido sua honra por ter dito que "na CBF a gente tem um presidente que é um ladrão de medalha, ladrão de luz, ladrão de terreno". A ação é de 2013. Vale a pena ler o acórdão. (Ação originária n º 1819).


Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Potins desta terça-feira

* Mulher casada de 38 anos é presa após fazer sexo oito vezes com adolescente de 14 * Sócio consegue exclusão de penhora sobre sua parte em imóvel onde moram ex-mulher e filho * Folha de S. Paulo é condenada por omitir nome de jornalista demitida em reportagem premiada * Réu do caso TRT-SP está foragido há seis meses * Empresário condenado pela fraude na construção do prédio do TRT-SP está foragido * O Brasil perde por 4 x 0... * Restaurantes em Paris e Flórida (EUA) rejeitam carnes brasileiras * Empresa condenada por pagar rescisão de empregado com cheque sem fundos * TST decidirá se American Airlines pode usar detector de mentiras no Brasil * Empresa condenada por voyeurismo de empregado no trabalho.

Potins desta terça-feira

* Padre paulista em Brasília para benzer o Alvorada e a residência oficial da Câmara * Será que Michel Temer não vê novelas? * Os sonhos de Gilmar Mendes * Políticos complicados na lista de Janot não irão às ruas pedir votos *Não se combate violência com amor”... (Jair Bolsonaro) * Odebrecht: a empresa dos sonhos? * O preço da boquirrotice de Paulo Maluf * Saiba em Porto Alegre como o Canadá lida com os crimes de maior potencial ofensivo.

Potins desta sexta-feira

* O que deve fazer, agora,  o megaempresário que comprou um político e um senador? * Lava Jato pega modelo que pousou desnuda para a revista Playboy * Quando a esposa diz ao marido que está indo ao supermercado, ela está falando a verdade?... * Construtora Andrade Gutierrez deve pagar R$ 1 milhão por danos coletivos e está proibida de descumprir interdições do Ministério do Trabalho na reforma do Estádio Beira Rio.

Potins desta terça-feira

 * STJ decidirá hoje se detentos têm direito ao banho quente nas prisões * Fornecimento de medicamento pela União é direito fundamental do cidadão * Duas pausas diárias (10 min cada) para café são consideradas horas extras * TRF-4 mantém condenação do prefeito de São Sebastião do Caí (RS) por improbidade administrativa

Potins desta sexta-feira

* Cidadão de Porto Alegre organiza ação que pede a prisão de Lula e Dilma * Advogado gaúcho nomeado para integrante da Comissão Nacional de Concurso Público Nacional para ingresso na carreira da magistratura do Trabalho * Presidente do STJ diz que  “não é fácil ser magistrado no Brasil” * Quando o INSS deixa de pagar o auxílio-doença previdenciário do trabalhador afastado, o empregador deve fazer os pagamentos * Volta à moda frase de Jô Soares nos anos 80: “Vai pra casa, Padilha” * Ameaça espiritual é extorsão e dá cadeia.

Potins desta terça-feira

* Quando o eleitor brasileiro vira o bobo da corte * As amargas páginas da vida de Marcelo Odebrecht na carceragem em Curitiba * Já são 800 réus cadastrados no “foro privilegiado” do Supremo * Uma análise estúpida sobre mulheres “menos inteligentes * Temer faz piada ou debocha? * Os alunos vips do professor Gilmar Mendes * AGU prepara novo pacote de ações de cobrança contra empresas * Alexandre de Moraes: o ministro do desempate.