Ir para o conteúdo principal

Sexta-Feira, 20 Outubro de 2017

Potins desta terça-feira



Contra maus olhados

O padre paulista José Eduardo foi a Brasília, benzeu o Alvorada e a residência oficial da Câmara contra os maus espíritos.

Agora o sacerdote está sendo convidado para exorcizar algumas outras residências de Brasília, contra as presenças de agentes da PF. Mas esse tipo de trabalho, o padre José se recusa a fazer.

 Temer não vê novela?

O colunista Jorge Bastos Moreno, de O Globo, conta que depois do discurso em que o Michel Temer disse, mais ou menos, que “as mulheres são boas para verificar flutuações de preços no supermercado”, Temer foi consolado pelo notório Moreira Franco.

O recado angorá: “Michel, nós somos do tempo antigo, você mais do que eu, quando mulher saía de casa para casar, cuidar de marido e filhos. Hoje, Michel, a mulher quer sair de casa para trabalhar, construir sua vida de acordo com seus próprios valores e opções. Você não vê novela?”

 Sonhos de Gilmar

O ministro Gilmar Mendes – tido agora pela ´rádio-corredor´ do CF-OAB como uma espécie de conselheiro-geral da República - está ameaçando trocar definitivamente Brasília por Lisboa, onde tem um apartamento.

Mas é ameaça de mentirinha, pois ainda tem uma carreira longa pela frente no STF. Seus amigos dizem que ele só deixa o país depois de governar Mato Grosso, seu Estado. Mas ele está de olho também em outra coisa.

  Por que será?

Diz também a ´rádio-corredor ´do Conselho Federal da OAB que “os políticos nominados na última lista do Janot que se arriscarem a disputar as eleições em 2018 não irão às ruas pedir voto”.

Vão, sim, pedir foro privilegiado.

  Frases da semana

• “Não se combate violência com amor, se combate com porrada. Não vai ser com política de direitos humanos que vamos resolver a violência”.
(Deputado Jair Bolsonaro, do PSC-RJ, em entrevista à Folha de S. Paulo).

• “Nessa guerra, não são os políticos que costumam morrer – embora alguns estejam presos. Eles dão crias, ressuscitam, fazem conchavos, comem, riem e bebem juntos, criam leis para obrigar você a pagar a campanha deles. Criam leis para aumentar sua própria remuneração”.
(Jornalista Ruth de Aquino, da revista Época).

  “Empresa dos sonhos”?

Apesar de tudo o que já se sabe da Odebrecht, é impressionante o resultado da pesquisa anual realizada pela Cia. de Talentos a respeito das "empresas dos sonhos" dos universitários e recém-formados. Ouvidos 63.998 jovens, a Odebrecht alcançou o posto de a sexta companhia mais desejada para um posto de trabalho.

À frente dela estão Google, Petrobras, ONU, Pricewaterhouse Coopers Auditores e Ambev.

 O engano de Maluf

Cara-de-pau habitual, Paulo Maluf (PP-SP) propagou no Twitter, na quarta-feira (15), que não só não está na Lava Jato e na lista de Janot, como também não esteve no mensalão. Enganou-se em parte.

Um dia depois de tal ´malufada´ boquirrotice , o ministro Edson Fachin nomeou os advogados Ticiano Figueiredo e Pedro Velloso – que defendem Eduardo Cunha – como advogados dativos de Maluf numa ação penal proposta pela PGR de Rodrigo Janot.

O processo anda (?) lentamente no STF desde 2006. Nele, Maluf é acusado de lavagem de dinheiro, oriunda de propinas.

•  Modelo canadense ensinando em Porto Alegre

Como o Canadá, um dos países mais seguros do mundo, lida com crimes de maior potencial ofensivo? É o que o especialista Aaron Lyons contará em palestra, às 19h desta terça-feira (21), na Escola da Ajuris (Rua Celeste Gobatto nº 229, Porto Alegre). Há mais de dez anos, ele lidera processos de restauração e seminários de treinamento na justiça criminal e em ambientes educacionais no Canadá e EUA. O evento é gratuito e o fornecimento de certificado aos interessados custará R$ 15.

Adepto das técnicas da justiça restaurativa, Lyons trabalhou extensivamente com jovens e adultos enfrentando questões de envolvimento com gangues, sem-teto, violência familiar, abuso de substâncias e trauma psicológico.

O evento terá a participação do cônsul da Área Política do Consulado Geral do Canadá em São Paulo, Colin Shonk. A atividade contará com o trabalho do tradutor Oscar Berg.

A jornada tem como slogan “Unindo o Rio Grande Pela Construção da Paz”. Para mais informações, clique aqui.

Detalhe: no Canadá, a criminalidade está em declínio sucessivo desde 1991.


Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Potins desta sexta-feira

• Pai de gêmeos ganha licença-paternidade de seis meses, no RS.
• STJ afasta desembargador que exigia dinheiro de uma servidora.
• Médica pede rescisão de contrato por falta de segurança na Rocinha.
• STF suspende censura judicial à revista Exame.
• Alto salário não impede ex-gerente de editora de ter direito à justiça gratuita.
• Alto salário impede professor de ter direito à justiça gratuita.
• Hospital é condenado por perder aliança de paciente durante cirurgia.
• Como votou Aécio Neves, quando Delcídio Amaral foi preso?
• Lava-Jato tem uma das maiores concentrações de réus milionários do mundo.
• Alto salário não impede gratuidade judicial.
• Anamatra publica enunciado, afirmando que diversos pontos da reforma trabalhista ferem a Constituição.
• Derrubada norma municipal que obrigava alunos a rezar o Pai Nosso antes do início das aulas.

Potins desta sexta-feira

• TJRS proíbe saite de disponibilizar informações sobre ações na JT de um trabalhador.
• Turma Nacional de Uniformização cancela a Súmula nº 51.
• Empregador não pode utilizar a gorjeta recebida de clientes para compor o salário mínimo dos garçons.

 

Potins desta sexta-feira

• Hospitais privados não poderão manter salas de espera diferenciadas para pacientes do SUS e dos convênios particulares.
• Julgamentos pelo STJ de dois casos envolvendo medicamentos.
• A “sentença” Netflix: Aécio mais tempo em casa para ver novos e velhos filmes.
• Um “embrulho pornográfico”: Claro Tv condenada por cobrar erradamente de consumidora.

Potins desta terça-feira

• Deu nas redes sociais: “Para o Grêmio ganhar a Libertadores, só com liminar do Gilmar Mendes”...

• Eduardo Cunha tenta anular a delação de Lúcio Funaro.

• Negados habeas corpus aos irmãos Batista.

• Valéria Monteiro, ex-apresentadora da Globo, quer concorrer à Presidência da República.

• Lula diz que a denúncia do MPF é "a excrescência da excrescência da excrescência".

Potins desta sexta-feira

Descoberta jurídica: corrupção privada não é crime no Brasil...

O corinthiano Jô é o segundo mais honesto do país...

110% de certeza em propina entregue por Eduardo Cunha a Temer”.

Sérgio Moro consegue ir a estádio de futebol em dia de jogo.

Gilmar Mendes alfineta Rodrigo Janot: “Ele deveria pedir sua própria prisão preventiva”.

Conar libera comercial do “homão da p”.

Potins desta terça-feira

TJRS revoga liminar que suspendera concurso para juiz.

 Lula perde um de seus advogados.

 STJ rejeita denúncia contra desembargador do Trabalho.

 A ordem é “juízes nas comarcas, de segunda a sexta”.

 Presidente do PMDB diz que Geddel é “mero filiado do partido”.

• Aposta da semana passada entre congressistas: quanto dinheiro haveria no “bunker” de Geddel? Ninguém acertou!