Ir para o conteúdo principal

Terça-feira, 20 de Junho de 2017

Os embalos de sábado à tarde na Segunda Divisão



Arte EV sobre foto Youtube

Imagem da Matéria

Nunca houve nada igual na brilhante história da Imprensa Vermelha Isenta (IVI). Bateram todos os recordes no último sábado (13).

Acompanho de longe esta tal de IVI. Sou um cascudo nesta luta. Venho da época de Cid Pinheiro Cabral e dos mandarins comandando os isentos do Texas.

Cada ruga da minha face tem um nome: "ruga Cid", "ruga Ibsen" e "ruga Lasier". E a meu primeiro cabelo branco dei o nome de “Luiz Carlos Prates”.

Ninguém precisa me contar o "modus operandi" dos isentos. Mas no sábado eles se superaram. Já tinham transformado a “Boca do Lixo da Segunda Divisão" em um espetáculo da Broadway. Na estreia do Inter na Série B, produziram “Os Embalos de Sábado à Tarde”. Tudo sob o comando do presidente-trovador (Pedro Legado).

Fizeram do clássico contra o Londrina o maior espetáculo pirotécnico da segunda divisão. Pedro Legado foi para o Guiness no sábado à tarde.

Aos 20 minutos do primeiro tempo decretou os vermelhos na série A em 2018. E acrescentou: "Com seis rodadas de antecedência"...

O narrador trovador tentou nos passar o "cachorro vermelho" durante toda semana. Quer nos fazer crer que os tratamentos para Grêmio e Inter são iguais na segunda divisão. Nossa!

Qualquer dia Drauzio Varela vai aparecer no Fantástico dizendo que "excesso de salmão prejudica a memória". Ah! Este cachorro vermelho não vão me passar. Pedro Legado esqueceu a caixinha de Memoriol. O narrador-trovador esqueceu da biblioteca do Google.

Recordando o que ele disse, em 26 de novembro de 2005, antes da cobrança de pênaltis do jogo Náutico X Grêmio foi impressionante.

Foi um festival de impropérios. Quem é gremista sabe o que o clube passou no lamaçal da Segunda Divisão. Inferno, inferno!

Inferno era a "palavra-chave" da IVI. Demitiram Hugo de Leon antes de ele assumir. Todos os dias demitiam Mano Menezes.

No tempos azuis de Segunda Divisão, o torcedor do Grêmio tinha que comparecer nos bares para assistir os jogos em "canal fechado". Ou comprar um pacote para assistir em casa.

Agora esta droga da segundona de 2017 entra direto na casa do torcedor. É no canal aberto. E sem manteiga.

Repetem! Os tratamentos são iguais! Sempre que repetirem isto vai ter um corneteiro da Redenção protestando. Não vão mijar nos corneteiros da Redenção e dizer que são pingos d'água.

Tudo mudou de 2005 para 2017. O europeu Zago fez 2 pontos em 9 disputados contra o Novo Hamburgo. E saiu ileso dos golpes de faca da IVI.

A Série B é festa. No próximo sábado são capazes de trazer o John Travolta. Vão reeditar os Embalos de sábado à noite.

A propósito: os Embalos de sábado à noite serão entre Inter X ABC, às 19h.

Leia outras postagens no blog Corneta do RW


Comentários

André Schleich - Advogado 18.05.17 | 13:03:55
O Inter é o clube mais vencedor deste século, possui uma das maiores folhas salariais do país, e, ainda que esteja na série B, tem o investimento de clube de série A. Tem gerado extrema expectativa, é simplesmente a grande atração da série B, e tem despertado interesse de como irá se comportar e como voltará deste período conturbado. Sem contar, que, em via de regra, a exceção de "pouquíssimos clubes", esse mal necessário serve de reformulação. Fez muito bem para clubes que retornaram.
Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Comparação publicitária permitida

Briga de gigantes. Sentença e acórdão confirmados pelo STJ. A ação de violação de marca foi proposta pelas associadas Gilette e Procter & Gamble. Elas buscavam fazer cessar o uso da marca Duracell nas pilhas Rayovac, fabricadas pela Microlite.

A política ainda é possível?

Painel a ser realizado pela Ajuris questionará dois ex-governadores do RS e um doutor em Ciência Política. Evento será aberto ao público.

Os “momentos difíceis” da família Batista

A jornalista Ticiana Villas Boas, esposa de Joesley Batista, diz que ela e a família passam “momentos difíceis”. Enquanto isso, os irmãos Batista compram um G-650, o jato executivo mais rápido e caro do mundo, vendido por US$ 74 milhões.

Bloqueio judicial de R$ 800 milhões de Joesley Batista

A decisão do juiz da 5ª Vara Federal de São Paulo alcança o suposto lucro do acionista da JBS com a venda de dólares, às vésperas da divulgação da gravação com o presidente Michel Temer.