Ir para o conteúdo principal

Terça -feira, 15 Agosto de 2017
http://espacovital.com.br/images/mab_123_12.jpg

Reclamante pedia R$ 20 mil, mas aceitava R$ 8 mil. Terminará pagando R$ 2,5 mil à empregadora



 Feitiço contra a feiticeira

Dicionários informais definem o que é “feitiço virou contra o feiticeiro”: é quando uma pessoa arma uma maldade para outra, mas antes cai naquilo que preparou.

Se o ditado popular estiver correto, foi este o desfecho havido, na quinta-feira passada (20), na 23ª Vara do Trabalho de Porto Alegre. Era uma audiência em ação que buscava R$ 20 mil, a título de multa do artigo 477, parágrafo 8º, da CLT, por atraso no pagamento das rescisões e reparação por dano moral.

Aberta a audiência, a reclamante pediu R$ 8 mil a título de acordo. A reclamada – que é do comércio de aparelhos médicos e hospitalares – porém apresentou reconvenção, buscando R$ 4 mil. A juíza Fabíola Schvitz Dornelles Machado leu, olhou documentos e logo propôs: que a trabalhadora pagasse R$ 2.500, parceladamente à sua ex-empregadora.

Teor da reconvenção da reclamada: cobrança de um empréstimo que a trabalhadora obtivera na empresa, para pagar em 18 meses. Mas que - quando foi despedida - negava-se a ter abatido da rescisão, dentro do limite legal de uma remuneração (artigo 477, parágrafo 5º da CLT).

Final feliz para a empregadora: as partes celebraram transação. A reclamante pagará R$ 2.500 em dez parcelas mensais de R$ 250, a partir de 2 de janeiro de 2018. (Proc. nº 0020541-56.2017.5.04.0023).

  “Professora” Dilma

Foi anunciado na sexta-feira (21) que o Instituto Dom José Gomes, de Chapecó (SC), ligado ao PT, vai realizar ali um curso de pós-graduação batizado de “A Esquerda no Século XXI”. Cada interessado nas aulas pagará R$ 7.200. Até aí, tudo bem: reflexões plurais são sempre bem-vindas na democracia.

A surpresa é a presença de Dilma Rousseff no corpo docente. A disciplina que ela vai ministrar chama-se “Partidos Políticos e a Esquerda Brasileira”. Há 50 vagas para o curso, que deve durar um ano.

A propósito, na simpática Chapecó, três “rádios-corredores” (na OAB local, e nos foros da Justiça Estadual e da Justiça Federal) repercutiram o curso.

Entre outras coisas, os arautos questionaram se, nas aulas, a ex-presidente vai tratar da transformação do Homo Sapiens em Mulher Sapiens. E se vai repetir pérolas como “nem quem ganhar nem perder, vai ganhar ou perder; vai todo mundo perder”.

Faz sentido.

 305 anos de cadeia para Sérgio Cabral

No Brasil ninguém pode ficar preso por mais de 30 anos – e de permeio tem a progressão de regime, a prisão domiciliar, a prescrição, o marco dos 70 de idade, etc.

Não fosse isso, Sérgio Cabral, ex-governador do Rio, pegaria em tese 305 anos, cinco meses e 11 dias de cadeia, caso seja condenado nas 13 ações penais em que está denunciado.

Desse total, 14 anos e dois meses de “cana” são o resultado da primeira sentença a que ele foi condenado, em processo que estará chegando ao TRF da 4ª Região nos próximos dias. (Proc. nº 5063271-36.2016.4.04.7000).

Detalhe: esses 305 anos seriam a soma das penas mínimas para cada crime.

 Que mérito, hein!

Por 15 x 1 votos, o Órgão Especial do Ministério Público do Rio de Janeiro decidiu que o ex-governador carioca Sérgio Cabral deverá devolver o Colar do Mérito, principal honraria da instituição.

O nababo político – ora cumprindo temporada na cadeia - recebeu a honraria em 1995 quando era deputado estadual. Foi por “relevantes serviços à causa pública”...

A propósito: veja dois momentos do baú do Youtube, mostrando Lula repetindo sinceros elogios sobre Sérgio Cabral.

Escolha e clique

·      “O povo precisa de gente assim como Cabral”.

·      “Cabral vai garantir um futuro melhor para nossos filhos”.


Comentários

Banner publicitário

Mais artigos do autor

Por que o governo não conversa com Luiz Fux?

• Temendo rebeliões, Temer desistiu de acabar com o auxílio-reclusão.  O corte era desejo da equipe econômica: geraria economia de R$ 600 milhões em 2018.

• Enquanto isso, desde 15 de setembro de 2014, o “auxílio-moradia” sangra as contas da União em R$ 437 milhões anuais. E os Estados gastam R$ 2 bilhões e 970 milhões para cobrir o mesmo penduricalho.

• Exame de Ordem: 136 mil inscritos, só 32 mil aprovados (23,6%).

• Lá vem o golpe! Cidadãos brasileiros, preparemo-nos, cada um de nós, para doar R$ 17 aos políticos deste país.

Publicidade das Lojas Marisa não ofendeu a memória de Marisa Letícia

 O Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) arquiva 18 queixas de cidadãos e cidadãs brasileiras contra a rede de lojas.

• STF declara inconstitucional artigo da Constituição Estadual do RS.

 Uma ação da PREVI contra a Construtora Odebrecht: causa de R$ 242 milhões.

• Cobrança de quota condominial contra Eduardo Cunha: o “bunker” inativo do ex-deputado.

Presidente do TRF-4 elogia sentença que condenou Lula a nove anos de prisão

 Segundo o dirigente da corte, o julgado vai entrar para a História do Brasil.

 Opinião de quatro operadores jurídicos gaúchos sobre o julgado proferido por Sérgio Moro. Relembrem o

teor dos artigos 155 e 239 do Código de Processo Penal.

 Os cartazes nas ruas, com rostos de criminosos, ofereciam recompensas. Agora, pedem votos.

 Delação vai detalhar a venda de sentenças e acórdão.

Os riscos de as crianças usarem roupas de sereia

• O Inmetro vai alertar pais e mães sobre cuidados especiais para meninas que querem imitar a personagem Ritinha – vivida por Ísis Valverde - na novela “A Força do Querer”.

• Trocadilho em frase publicitária que oferece, no Brasil, chances de investimentos nos EUA: “Não precisa temer; a gente ajuda você a sair do País”.

• Condenação do senador Romário: R$ 50 mil para o presidente da CBF.

• A elogiável sensibilidade das mulheres brasileiras.

Senado e Câmara Federal custam R$ 1,16 milhão por hora aos cidadãos brasileiros

O espantoso dispêndio que se repete 365 dias ao ano também inclui os salários. Todos os gastos com a nossa representação política tem um custo anual de R$ 1 bilhão e 16 milhões.

Uma competição brasiliense entre cinco cães muito espertos: o Escalímetro, o Cash Flow, o Óxido, o Megabyte e o Deputado. Adivinhem quem ganhou, inclusive afrontando um delegado e um juiz...

Multa inconstitucional de 10% sobre o FGTS

  Se Lula for condenado e obtiver a prisão domiciliar, onde será o cumprimento da pena?

  STF vai julgar em agosto ação que tramita há mais de 25 anos.

  Formada a lista tríplice para a escolha de novo desembargador federal do TRF-4.