Ir para o conteúdo principal

Edição antecipada 21-22 de junho de 2018.

Potins desta sexta-feira



Concurso intransparente

Notícia detalhada publicada nesta mesma edição do Espaço Vital revela que a presidente do STJ, ministra Laurita Vaz, negou pedido do Estado do RS que pretendia brecar a liminar que suspendeu o concurso para ingresso na magistratura estadual do RS.

Dois novos detalhes: 1) Dos mais de 11 mil inscritos, apenas 329 candidatos chegaram à prova prática de sentenças cível e criminal; 2) nesta etapa, apenas 19 foram aprovados.

Mais: segundo o desembargador relator Alexandre Mussoi Moreira – ao indeferir agravo de instrumento do próprio Estado, contra a suspensão – “não se tem como sopesar qual o peso ou faixa de valores que seriam distribuídos na  correção da prova de sentenças”.

O mandado de segurança original e o agravo de instrumento estão com o relator para serem julgados no 2º Grupo Cível do TJRS. (Procs. nºs 70074696808 e 70074789611).

Celulares “ingrampeáveis

Cerca de cem integrantes da restrita “turma da casa” – que rodeia e protege Michel Temer – passaram a usar um celular especial apelidado de “TeleAbin”. Com um chip desenvolvido pela Agência Brasileira de Inteligência, funciona em qualquer lugar do mundo e serve apenas para conversas de voz.

Nada de mensagens de texto.

Os aparelhos são tidos como inexpugnáveis. Descriptografá-los levaria anos. Assim, Temer pode falar aos mais chegados, tudo o que lhe vier à cabeça.


O verdadeiro emagrecimento


A gaúcha Patrícia Poeta, 40 de idade, apresentadora do programa “É de Casa”, da Rede Globo – venceu judicialmente, no Rio, esta semana, a empresa Nutreo Comércio de Produtos Homeopáticos.

É que esta divulgou que Patrícia emagrecera com a ingestão do produto “Cactínea”, de sua fabricação. A artista sustentou que “é mentira” e acrescentou que sua magreza é “fruto de reeducação alimentar, ginástica e prática do surfe”.

A indenização será de R$ 30 mil. A empresa também deverá publicar em jornal de grande circulação e na internet a informação de que Patrícia não adquiriu ou utilizou o produto, nem autorizou o uso da sua imagem como propaganda.

Em nota, a Nutreo diz "que é tão vítima quanto a autora, pois seus produtos são largamente falsificados por farmácias de manipulação que mantém blogs de emagrecimento com matérias falsas do produto".  A empresa também afirma que vai recorrer. (Proc. nº 0434925-90.2016.8.19.0001).

Protelação


Numa das ações penais a que responde o ex-presidente Lula, sua defesa arrolou como testemunha o diplomata e ex-ministro Luiz Felipe Lampreia.

A audiência teria sido na quarta (22) em Brasília.

Foi quando todos se deram conta de que o ex-chanceler faleceu em 2 de fevereiro do ano passado.


Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Potins desta terça-feira

 O futuro presidente Toffoli já começa a pensar no aumento para o Judiciário.

• Rodrigo Janot vem ao RS para falar sobre eleições e corrupção.

 Foi em Santiago (RS), a audiência criminal em que o réu não aceitava uma mulher juíza!

 O ano de 2014 que ainda não acabou em Porto Alegre.

 Desaprovação ao governo brasileiro só não é pior do que a de Bósnia-Herzegovina.

 O jeitinho para evitar o avanço no combate da corrupção no Brasil.

• Discriminação nos EUA contra mulheres grávidas empregadas.

 Colega de Rosa Weber no STF avalia que ela é a “ministra pêndulo”.

• Os 60 dias pedidos pela PGR que vão ajudar Michel Temer.

Potins desta terça-feira

 Gleisi Hoffmann quer que o Judiciário se sensibilize com o caos social e libere Lula.

• Na política brasileira, outubro chegou em junho.

 STJ decide se cidadã pode deixar de se chamar Tatiana, para ser Tatiane.

 Ainda sem título definitivo, vem aí as “memórias do cárcere de Lula”.

• As buscas no apartamento de Augusto Nardes: nada ostensivo...

 Brasileiros acreditam pouco na seriedade das eleições.

•  Benesses para os planos de saúde: 107% de aumento em sete anos.

Potins desta terça-feira

 Maior jornal da Inglaterra diz que “Sérgio Moro é “o homem que encerrou cinco séculos de impunidade no Brasil”.

 Governo acaba de criar mais um elefante branco: o SUSP, irmão do SUS.

•  STF vota na quinta-feira (24) proposta de nova súmula vinculante.

 Quando a “utilidade política” prevalece sobre a utilidade pública...

 Embaixadas para Temer, Moreira e Padilha – se Alkmin for Presidente da República. Mas ele nega.

• População com 60 de idade, ou mais, estará superando os moços de 16 a 24 anos, nas eleições de outubro.

 Impasse no TST para tentar orientar decisões uniformes em ações trabalhistas.

 Prorrogação do benefício de salário-maternidade, em decorrência de parto prematuro.

Novo slogan de Temer vira piada nas redes sociais

• A importância da vírgula: o presidente diz que “o Brasil voltou, 20 anos em dois”.

• Mas há quem ironize: “o Brasil voltou 20 anos em dois”.

 Uma busca e apreensão – por engano – na casa do secretário adjunto do CF-OAB.

 A prescrição que agrada banqueiros.

 Gilmar Mendes prevê uma avalanche processual nos foros e tribunais, Brasil afora.

 Quanto é dois mais dois?

• Uma análise de Joaquim Barbosa sobre o sistema político brasileiro.

Potins desta sexta-feira

• Presença estranha deixa magistradas assustadas em importante reunião na Universidade de Harvard.

•  Governo brasileiro exclui entidades da lista de convidados para a reunião anual da Organização Internacional do Trabalho.

•  Temer torce pela vitória de Henrique Meirelles: quer ser ministro da Justiça a partir de 2 de janeiro.

•  Empresas envolvidas em desastres ambientais só pagaram 3,4% das multas ambientais, que totalizam R$ 785 milhões.

•  Quem são os políticos, empresários e magistrados alfinetados nos voos comerciais brasileiros.

• O largo par de headphones que faz Luiz Fux não ser incomodado quando voa de Brasília ao Rio, e vice-versa.

Potins desta terça-feira

• Nova súmula do STJ publicada: prazo para seguro de vida cobrir suicídio

 Decisão da 2ª Seção do tribunal também cancelou a Súmula nº 61

 O aumento do tesão financeiro dos donos de motéis.

 Filha de Eduardo Cunha concorrerá a deputada federal como herdeira política do pai.

 A queda da arrecadação das maiores centrais sindicais do país.

 Impasse entre herdeiros da travesti Rogéria, falecida em 2017.