Ir para o conteúdo principal

Terça-Feira, 19 de Dezembro de 2017

Potins desta terça-feira



Das redes sociais

• “Para o Grêmio ganhar a Libertadores, só com liminar do Gilmar Mendes”. (De um grupo de torcedores gremistas, depois do fiasco de domingo na Bahia).

• “O político brasileiro é o maior religioso do mundo. Em cada obra, ele leva um terço”.

“Invadir a Rocinha é fácil para a polícia e para o exército. Quero ver invadirem Brasília e prender os maiores chefes dos bandidos”.

Delação enxertada ?

O notório Eduardo Cunha vai à Justiça tentar anular a delação de Lúcio Funaro, seu ex-operador favorito.

O ex-deputado (PMDB-RJ) disse a aliados que trechos de sua proposta de colaboração – que foi rejeitada pela Procuradoria-Geral da República - acabaram sendo enxertados no acordo do doleiro.

Desta vez, não soltou...

Era – diziam, por aí... – “barbada” – mas Gilmar Mendes não concedeu habeas corpus a Joesley e Wesley Batista.

Os irmãos queriam ver substituídas suas respectivas prisões preventivas por medidas cautelares, mas o ministro negou seguimento aos habeas, pois implicaria em supressão de instância. (AC nº 4.352).

Sem partido

O ministro Luis Roberto Barroso, do STF, vai levar ao Pleno do STF, na primeira semana de outubro, uma ação sobre candidatura avulsa. Ele está concluindo relatório que discute a possibilidade de pessoas sem filiação a partidos políticos concorrerem em eleições.

A propósito, o juiz eleitoral Hamilton Gomes Carneiro, em Aparecida de Goiânia (GO), concedeu ao advogado Mauro Junqueira o direito de se candidatar a qualquer cargo eletivo no pleito de 2018, mesmo sem estar filiado a um partido político.

Na mesma linha, Valéria Monteiro, ex-apresentadora do Jornal Nacional e do Fantástico, (1998/2003) pretende concorrer à Presidência da República.

Excrescências...

Lula afirmou na quinta-feira passada que os procuradores e delegados que o investigam estão mexendo com "um político que não roubou e não tem medo deles".

Ao discursar num evento do PT, para discutir o programa de governo do partido para a eleição de 2018, o ex-presidente afirmou que se "sente estimulado" a defender a sua honra e que os investigadores "mexeram com quem não deveriam mexer”.

- Não é porque estou acima de qualquer coisa. É porque eu não fiz o que eles dizem que eu fiz. Eles estão acostumados a mexer com político que roubou, que fez corrupção, que enriqueceu e está com o rabo no meio das pernas, mas agora eles estão mexendo com um político que não roubou, que não tem medo deles e que a única coisa que tem é a sua honra para defender -  afirmou.

Lula ainda chamou de "excrescência da excrescência da excrescência", a denúncia do Ministério Público Federal transformada em ação contra ele por causa da aprovação, durante seu governo, de uma medida provisória que beneficiou o setor automobilístico.


Comentários

Leoncio De Brito - Advogado 26.09.17 | 13:47:53
Há mais de sete anos encontra-se no STF o processo nº RE 630852, atualmente com a relatora ministra Rosa Weber, que é paradigma de milhares de processos sobrestados em todo pais, que tem como finalidade única determinar o constante no Estatuto dos Idosos e no CNS que estabelecem que os planos de saúde NÃO PODEM aumentar, diferentemente dos demais aumentos abuais, as mensalidades das pessoas acima de 60 anos de idade.
Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Potins desta terça-feira

• Luiza Brunet espera, logo após o recesso, pela sentença que poderá lhe dar metade dos bens que o bilionário Lírio Parisotto comprou ao longo dos cinco anos de relacionamento.
• Planos de saúde obrigados a custear - em hospitais ou clínicas especializadas - a internação de pacientes com obesidade mórbida.
• Intimação para “andamento vertical” do processo.
• Puxa-saquismo político: o que dar de presente ao deputado de sua confiança?
• Gastos com locação de veículos na Justiça Federal sobem 16.000%.
• Recado do TST para magistrados trabalhistas.
• Os 100 dias de prisão dos irmãos Batista.
• Sérgio Cabral: o anfitrião no presídio de Benfica.
• Data do julgamento de Lula coincide com o Dia do Aposentado.

Potins desta terça-feira

• O anel de R$ 800 mil que foi a porta de entrada para ganhar uma concorrência.
• Por 83 x 50 votos, Duro vence Liselena na eleição do TJRS.
• Lula arrola 59 testemunhas de defesa, em outra ação penal.
• Para acessar a internet, digite a senha: “Fora Temer”.
• Salários e auxílio-moradia garantidos para que deputados que estão presos no Rio.

Potins desta terça-feira

• Possibilidade de prorrogação do prazo de prisão para forçar pagamento de dívida alimentar.
• Senadores ampliam (40%) gastos com jatinhos.
• Papai Noel vai trazer liberdade para Nestor Cerveró, Fernando Baiano e Pedro Barusco.
• Investigação ética da ministra Luislinda Valois – aquela que acha que .R$ 33,7 mil é pouco “para comer, beber, vestir-se e maquiar-se”?
• As lentas ações contra conselheiros de Tribunais de Contas.
• STF julgará recurso de Wesley Batista: ele quer ser desvinculado das ações penais contra o mano Joesley.
• Ameaças de morte levam presidente da Oi a se demitir

Potins desta sexta-feira

• Seguradoras lançam seguro-garantia para recorrer na Justiça do Trabalho.
• A validade de arras de 53% na compra de imóvel.
• Número de milionários no Brasil aumentará 81% em cinco anos.
• “Black-Friday” brasileira de 2018 será no feriadão de 7 de setembro.

Potins desta terça-feira

• Ministro do STF diz que o Direito Penal brasileiro é incapaz de impedir a criminalidade.
• CNJ definirá como proteger juízes que sofrem ameaças.
• Sérgio Moro vai palestrar para diretores e gerentes da Petrobras.
• Em poucas semanas, Temer terá nomeado dois ministros para o TST.
• O Peru de Guerreiro nas redes sociais.

Potins desta terça-feira

• Acreditem: Temer foi a São Paulo para se tratar pelo SUS: ´SOMOS USUÁRIOS DO SÍRIO´”.
• Presidente agora vai malhar: manutenção preventiva de aparelhos de ginástica custará R$ 72 mil anuais.
• Novos apelidos nos bastidores da Lava Jato: “Ventania”, “Ovo”, “Luz”, “Bigode”, “Enteado”, “Tijolo”, “Corajoso” e “Bagre”.
• “É mais prazeroso torcer pelo Luís Roberto Barroso no STF, do que pelo Inter na Série B”.