Ir para o conteúdo principal

Edição de Sexta-feira, 20 de abril de 2018.

Chutador de mulher paga reparação moral de 60 mil euros



Jornal La Vanguardia

Imagem da Matéria

O acusado de agredir uma jovem na Diagonal nas costas pagará a ela uma indenização de 60.000 euros. O estudante universitário Mario García Montealegre, em conluio com um amigo (Alvaro Gragera) que gravou as cenas, aproximou-se por trás, sorrateiramente, dando um chute numa das pernas dela, causando-lhe um tombo com graves consequências.

No dia seguinte, ele divulgou as imagens através das redes sociais, onde houve viralização no mundo inteiro, alcançando mais de cinco milhões de acessos.

O acordo cível – assinado anteontem (21) em Barcelona – ganhou grande repercussão na imprensa espanhola.

Prossegue contra os dois acusados a ação penal. O promotor sustenta o pedido de penas de prisão, tanto para o autor do pontapé, como para o cinegrafista por “crimes contra a integridade moral e outras lesões com circunstância agravante de traição e discriminação sexual, considerando o desejo de humilhar e ridicularizar a mulher".

Na ação penal é pedida também uma outra indenização (45 mil euros) à vítima. Na próxima audiência, os acusados devem decidir se aceitam sua culpa penal, assim beneficiando-se com uma sentença menor, que impediria sua entrada na prisão, em regime fechado.

A imprensa espanhola especula que a quantidade de dinheiro que foi pago em compensação cível sinaliza que os dois réus vão reconhecer a sua culpa penal, para obterem uma sentença menor, não superior a dois anos, e evitar a reclusão.

Nas imagens do evento, que deu a volta ao mundo por sua brutalidade e falta de sentido, os espectadores podem ver como o atacante inicia sua corrida para dar um forte pontapé duro para a vítima.

O ataque fez com que ela caísse no chão, causando uma entorse, duas graves contusões nos joelhos e uma no punho esquerdo, além de dor cervical, que a manteve com 75 dias de internação hospitalar – esta paga pelo plano de saúde da vítima.

Segundo os autos de ambas as ações, a vítima sofre "estresse pós-traumático" e sente "desconfiança" em relação às intenções de outras pessoas que se aproximam pelas ruas.

Veja as imagens dos preparativos da agressão e de sua execução contra a vítima indefesa e desavisada (Saite do jornal La Vanguardia)


Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

O pior caso de gonorreia do mundo espanta os médicos

Um estudante universitário do Reino Unido – que estava em um relacionamento estável - contraiu a infecção em um caso extraconjugal, quando viajou à Ásia. Antibióticos empregados não conseguem deter a evolução da doença.

Que surpresa chocante, que nojo!

Caso real! O que fazer com dezenas de baratas vivas flagradas, numa mala, pelo sistema de inspeção de bagagens num aeroporto? O dilema foi levado por agentes alfandegários a um juiz plantonista.

Camera Press

Devolução de 60 milhões de euros de pensões alimentícias

 

Devolução de 60 milhões de euros de pensões alimentícias

Tribunal italiano considerou o ex-premier Silvio Berlusconi “injustiçado” em ação em que se divorciou da ex-atriz Veronica Lario.  Nesta foto de 2014, os dois deixam – com olhares antagônicos ou indiferentes – a corte onde tinha sido determinada a redução do pensionamento de € 3 milhões para € 1,4 mi.