Ir para o conteúdo principal

Edição de sexta-feira , 25 de maio de 2018.

Quando a vida vira Coca-Cola



Charge de Gerson Kauer

Imagem da Matéria

O departamento de aposentados da grande e atuante associação de juízes realiza um encontro de colegas jubiladas. Por sugestão de desembargadora oriunda do Ministério Público, convidam-se também promotoras e procuradoras de justiça.

A confraternização é um happy hour, em final de tarde outonal, na sede campestre da entidade anfitriã.

Em uma mesa se reúnem, entre outras femininas e feministas, uma magistrada e uma promotora de justiça, ambas aí pelos seus 60/62 anos de idade. Elas são amigas desde o início de suas respectivas carreiras e, já agora aposentadas, afinal residindo na capital do Estado, iniciam divagações saudosistas.

As duas estão divorciadas.

Elas conversam sobre as suas rotinas, causos, lembranças, romances etc., até que as confidências se concentram num forno mais íntimo.

- A tua vida sexual segue rutilante como nos tempos de universidade?

- Nem tanto, mas pelo menos está igual à Coca-Cola...

- Que beleza! Cheia de gás, então?...

- Qual nada! Antes era ´normal´, depois ficou ´light´. Neste 2018, agora é ´zero´!...

Transitou em julgado.


Comentários

Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Charge de Gerson Kauer

Barbatimão jurídico

 

Barbatimão jurídico

Em processo de divórcio litigioso, o estagiário – que sempre faz minuciosos projetos de sentença - deparou-se, estupefato, em meio às petições, com uma confidência que um dos advogados da causa fizera à sua dileta noiva. Era mais um caso de erro do “copia e cola”

Charge de Gerson Kauer

Exagero na relação conjugal

 

Exagero na relação conjugal

Meia-noite de uma sexta-feira, Sua Excelência e a esposa – ele cinquentão, ela quarentona - tentam apimentar o relacionamento sexual. Por isso combinam que ela, em decúbito ventral, será algemada num dos decorativos vãos da cabeceira da própria cama do casal

Charge de Gerson Kauer

Os vinhos da Lava-Jato

 

Os vinhos da Lava-Jato

O destacado advogado gaúcho, recém divorciado, atuante na defesa de gente alcançada por decisões de Sérgio Moro, entra com a jovem namorada num notório restaurante em Porto Alegre, olha a carta de vinhos e pede uma garrafa do mais caro dos itens disponíveis.

Charge de Gerson Kauer

Amor à prova de balas

 

Amor à prova de balas

O homem é denunciado por tentativa de homicídio contra a própria companheira. Um tiro de raspão na cabeça; o outro num dos olhos dela. A vítima fica com apenas 50% da visão. Mais tarde, após a condenação dele, a reconciliação do casal. Adivinhem como era o nome dele?