Ir para o conteúdo principal

Edição de sexta-feira, 19 de outubro de 2018.
http://espacovital.com.br/images/jus_azul_foto1.jpg

Se o Everton fosse do Inter, já haveria um barulhão da IVI pela convocação dele para a seleção!



Lucas Uebel (Divulgação Grêmio)

Imagem da Matéria

No Observatório das Atividades da IVI, não poderia deixar de começar com a bizarrice do Cleber Grabauska, que trouxe uma notícia bombástica, tão importante quanto saber que o ex-vocalista do Dominó está trocando de sexo. Grabauska brindou-nos com a notícia de que Loco Abreu – que jogou aqui no tempo da Guerra Farroupilha - arremessou uma mesa em torcedores.

Que coisa, não? Manchete: “Ex-jogador do Grêmio arremessa mesa!” A IVI se superando. Sempre.

A bizarrice número 2 foi proporcionada por Diogo Olivier, apelidado no blog Corneta do RW como Diogo Pipoca. Capa da Zero Hora de ontem (1º), dia do jogo contra o Cerro: “Zebras acontecem”. Na capa?

O aparelho chamado SEI – Sinais Evidentes de ´Ivismo´ – apitou fortemente. IVI agora seca. Explicitamente. Ora, o bom ´ivista se segura´. Procura dissimular. No caso, Olivier rasgou a fita. Abriu o coração. Perdeu pontos no quartel general da IVI.

Aliás, por falar em quartel general da IVI, o seu chefe (assim anunciado pelo Eduardo Peninha), Pedro Ernesto Denardin deve ter feito uma admoestação ao Diogo. Algo como “menos, menos, não se exponha desse modo, está pegando mal”. Bom, a secação de Olivier deu com os burros n’água.

O jogo foi 5 a 0. Mas passou “perto” (fosse no zap zap, haveria potássio em profusão, com muitos k’s). Secação tipo banho de gato!

Observe-se que a presidência da IVI (foi Peninha quem disse) ficou representada por Leonardo Oliveira. E o que ele escreveu na coluna ´É Demoóóóis´?

Sobre o técnico do Cerro, o argentino Zubeldia. Descobrimos uma coisa absolutamente genial, de alto valor jornalístico: que o Zubeldia foi colega, no Mundial Sub-20 em 2001, de quem? Nada mais, nada menos, do que D´Alessandro. Deu uma volta e meia para nos dar essa informação. Como eu poderia assistir ao jogo do Grêmio contra o Cerro sem saber desse detalhe?

No mais, em uma só edição da Zero Hora descobri também detalhes do aniversário de um ano da filha do ex-goleiro do Inter, Alisson Becker. Que – o aviso é meu - levou 9 gols em 2 jogos. Ninguém sabe o que está acontecendo com jogadores como Lucas Leiva e Lincoln. Mas se folhearmos algumas edições da coluna de Zini ´Glu Glu´ Pires, saberemos tudo sobre a vida privada de Alisson. Algo como a Revista Caras do Esporte! E que a camisa nova do Inter bate recordes de venda.

E o Lucca, novo jogador do Inter? Não nos preocupemos. A IVI conta tudo em detalhes. Uma página toda. O mesmo espaço dado para o jogo do Grêmio. Ups. Trata-se de um jogo da Libertadores, na qual o Grêmio é tricampeão. E o espaço é o mesmo que dado ao Lucca (quem?) e para a disputa Real x Bayern. E assim segue a vida...

Quer dizer, assim a IVI vai nos levando no bico. Isso que falei só em uma edição. Não falei do rádio e nem das IVIS do Centro, do Morro e da Orfanotrófio.

Por falar na IVI da Orfanotrófio, lembro de novo do Fator Haroldo de Souza – Rádio Gre-Nal, que foi escamoteado e escondido (não, o Haroldo não foi escondido – falo do que ele revelou). De todo modo, circula uma notícia que dá conta de que em 2017, ano em que o Inter disputou a segunda divisão (ano do Brasileirão B), a despesa com marketing e mídia foi de quase R$ 20 milhões. Se eu fosse um positivista, diria: estou apenas descrevendo o fenômeno. Sem juízo de valor (valor aqui não é valor em reais, é claro, se entendem certa dose de sarcasmo não positivista).

Nosso OAI (Observatório de Atividades da IVI) continua a pleno vapor. Nossa música é Bella Ciao.

•  Post scriptum 1: Se Cebolinha, o Everton, fosse do Inter, já haveria um barulhão da IVI pela sua convocação para a seleção!

•  Post scriptum 2. A Jus Azul de hoje foi escrita, na terça à noite, assim que terminou o jogo Grêmio 5 x Cerro Portenho 0. Portanto, não sei o que a IVI aprontará na manhã de quarta-feira!...

Estejamos de olho!


Comentários

Jorge Dias Hohmann - Jornalista 03.05.18 | 09:34:52
Foi-se o tempo em que parávamos e aumentávamos o volume do rádio para ouvir um Ênio Mello, um Sergio Jockmann, uma Ivete Brandalise, um Rui Ostermann...gente deste naipe. Mas e agora? Faz-se exatamente o contrário. Quem quer ouvir os neófitos de hoje? A derrocada financeira (combinada com sonegacões que colocam muitas empresas de comunicação no radar do MP) obrigou- as a valer-se de estagiários com linguagem professoral e/ou baratinhos. E deu no que deu. Uma crônica arcaica e tendenciosa.
Marcio Gilvani Wilkomm - Poeta (mas Trabalho Em Cartório) 02.05.18 | 11:18:36

Bom Dia! Conheci este Espaço Vital há poucos dias, e nele vejo muitas coisas que eu constatava, porém achava meio "louco", porém é a realidade. A IVI existe mesmo! O fato jornalístico esportivo do RS é o Grêmio, deveria ter amplo espaço nas mídias gaúchas, e não tem. Entendo também que quando falamos do Inter e suas mazelas, não estamos ofendendo os torcedores colorados, que deveriam se perguntar como pode isso acontecer em uma imprensa dita "isenta".

Alex Jung - Advogado 02.05.18 | 10:47:34

Caro colunista, seu time já ganhou, em 2018, dois títulos e está muito bem na Copa Libertadores. Porém, você, ao invés de enaltecer as vitórias do time que torce, prefere sempre falar do Inter e seus supostos torcedores na imprensa. Isso seria sinal de grandeza do Inter apesar da evidente má fase? Ou é apenas complexo de vira-lata mesmo? 

Banner publicitário

Mais artigos do autor

A IVI e as irregularidades nas eleições

“Calma! Como sabemos, a CIA – COMENTARISTAS ISENTOS DE ARBITRAGEM é uma sucursal da IVI-PRAVDA. No decorrer da coluna conto o segredo. Envolve alto cachê. Portanto, mãos à obra.  Preparem-se para a leitura e descubram!”

O Pravda agora é pitonisa! E o sacrifício do Guerrinha!

“São tantos assuntos e tantas emoções. A ZH, o PRAVDA do esporte gaúcho e órgão oficial da IVI, agora já não se contenta em abafar o passado e obliterar o presente... E tem também o seu jeitinho de analisar os erros de arbitragem que já contabilizam 14 pontos pro Inter.”

A IVI é o PRAVDA gaúcho

“Parte da torcida do Grêmio foi sendo emprenhada de ouvido. O PRAVDA, veículo oficial do regime soviético, fazia o mesmo. Criava realidades. Se um atleta da URSS chegava em segundo, a manchete era: ´Corredor russo deixou 15 adversários para trás´. Mas não falava de quem ganhou, mormente se fosse norte-americano”.

Reação ao bullying praticado pela IVI!

“Talvez por sermos maioria no Estado, devêssemos boicotar os produtos anunciados pelos membros da Imprensa Vermelha Isenta”. (...) E também “algumas considerações sobre o vício redibitório do André”.