Ir para o conteúdo principal

Edição de terça-feira, 20 de novembro de 2018.

Potins desta sexta-feira



· Ciro, o único...

Olhos e ouvidos atentos a estes trechos de entrevista de Ciro Gomes, à TV Difusora do Maranhão: “O Lula tem alguma chance de sair da cadeia? Nenhuma! Só tem chance de liberdade se a gente assumir o poder e organizar a carga. Botar juiz para voltar para a caixinha dele, o Ministério Público também e restaurar a autoridade do poder político”.

A Associação Nacional dos Membros do Ministério Público respondeu: “Tais declarações são tentativas de enfraquecer a atuação de promotores e procuradores. Ciro não poderia adotar postura flagrantemente transgressora da ordem jurídica e que retira da sociedade a fé de que a lei deve ser igual para todos”.

· Cara feia

No Brasil de 13 milhões de desempregados, juízes e procuradores foram, esta semana, à ministra Cármen Lúcia para pedir aumento de salário.

A presidente do STF contraiu as feições, fez cara feia e respondeu com uma frase reticente: “Doutores, não é hora”.

· Caras sorridentes

Mina em Minas Gerais. Pelo menos quatro desembargadores e dois juízes do Tribunal de Justiça de Minas Gerais receberam, no mês de julho, contracheques superiores a R$ 100 mil. Somente um desses juízes, de entrância especial, recebeu mais de meio milhão de reais. As informações são do jornal O Estado de Minas.

O contracheque de maior valor líquido, já com os descontos, foi de R$ 501.624,02, o que equivale a quase 15 vezes o teto do serviço público brasileiro, que é o salário de R$ 33,7 mil, pago aos ministros do Supremo.

Apenas de “vantagens eventuais”, o sortudo magistrado recebeu R$ 477.067,87. O valor, segundo o jornal mineiro, foi a título de indenização por férias, licenças-prêmio e outros penduricalhos.

· Parece novela

A comédia dos vices seria mais engraçada se o cargo fosse apenas honorífico. Mas no Brasil não é.

Dos últimos sete presidentes, três chegaram ao poder sem votos pessoais em seus nomes, depois da morte ou da cassação do titular.

Basta lembrar: José Sarney, Itamar Franco e... Michel Temer, aquele que “não queria ser apenas decorativo”.

· Vodu jurídico

A sede carioca do TRF da 2ª Região, no Rio, passará, neste fim-de-semana, por um ritual diferente dos habituais juridiquês dos julgamentos. É que como, há 200 anos, ali funcionou um cemitério de escravos, há relatos – notadamente nos plantões noturnos da corte – de portas abrindo ou fechando por conta própria e luzes que piscam na madrugada.

Para acabar com a difusão das assombrações, o presidente da corte, desembargador André Cruz Fontes, encomendou um culto de religiões de matriz africana.

Toda a sede será benzida.

· Tudo nos trinta

Gaúchos que gostam de ir à Argentina se aborrecem com uma nova constatação. A vizinha nação já está sendo chamada de “País 30, 30, 30”.

Atualmente tem 30% de sua população abaixo da linha da pobreza; a inflação é de 30% ao ano; e o câmbio de cada dólar custa 30 pesos.

· Seguro obrigatório

A Susep e a Seguradora Líder discutem um reajuste nas indenizações pagas em acidentes de trânsito. Dos atuais R$ 13.50- subiria para cerca R$ 25 mil. Desde 2007 a indenização é a mesma – e nestes últimos 18 anos, os acidentes e os custos de tratamento só cresceram.

Mas a benesse virá acompanhada de uma “facada” financeira sobre os donos dos veículos. O custo do seguro DPVAT também vai subir – um implemento tarifário perto dos 80%.

Tombos futebolísticos

Não foram apenas os torcedores brasileiros que imaginaram dias felizes com a Copa da Rússia – coisa que também estava na vontade da maioria dos políticos e dos donos de canais de tevê por assinatura.

Passada a festa, a ressaca deixou a conclusão que a competição não alavancou vendas. De janeiro de 2017 até agora, a perda soma 1 milhão 850 mil clientes. Hoje, a base tem 17 milhões de contratos.

Tombos como os de Neymar...


Comentários

Claudio Garcia - Advogado E Coronel Da Reserva (b.m.) 30.07.18 | 18:38:26
Esse tal de Ciro Gomes, no meu modesto entendimento, na maioria de suas declarações, representa ser um candidato, despido de ética e compromissos com os eleitores Brasileiros. Isto é muito lamentável para à democracia.
Banner publicitário

Notícias Relacionadas

Potins desta terça-feira

 Nova lei permite que advogados de sindicatos possam receber, cumulativamente, os honorários contratados com a entidade que representam e os honorários de sucumbência assistenciais.

 Magistrados não podem participar de câmaras privadas de conciliação.

 Um oficial de justiça à espera de Ciro Gomes.

Notícias curtas desta terça-feira

•  Judiciário brasileiro tem 80,1 milhões de processos em tramitação.

• Uma alfinetada de Roberto Barroso em Gilmar Mendes.

• José Dirceu, o czar do Brasil.

•  O Brasil que eu quero é... a Dinamarca!

•  A apreensão de vários milhares de telefones celulares da marca Alcatel.

Potins desta sexta-feira

•  “Autos processuais não localizados, apesar de muita procura”...

•  Liminar proíbe associação de direito médico de prestar atividades jurídicas.

•  Cliente de banco consegue anular cobrança de “tarifa de serviços administrativos”.

•  TST decide que é ilegal exigir depósito prévio para custeio de perícia.

•  Cancelada súmula do STJ sobre proibição de banco reter salário para adimplir mútuo comum.

•  Feriadão encaminhado no STJ para 14/18 de novembro.

Potins desta terça-feira

 Número de advogados brasileiros supera a marca de 1,1 milhão

 Ação trabalhista de doméstica contra o ex-patrão João Dória, ex-prefeito de São Paulo.

 Lula: presidenciável ou “presodenciável”?

• Eduardo Cunha quer pagar parte da multa de R$ 5,7 milhões com dinheiro que está sendo repatriado do exterior.

• Uma ação do Flamengo contra o colorado Paolo Guerrero.

 Amiga de Dilma será a advogada eleitoral de HenriqueMeirelles. É milagre político.

 “Mãe União” garante curso em Lisboa para dois advogados.

 Cármen Lúcia recusa sala vip nos aeroportos.

 O aperto de Preta Gil e o impasse na devolução de um apartamento que ela não consegue pagar.

Potins desta sexta-feira

 Negado vínculo de emprego entre carregador de tacos de golfe e o Country Clube de Porto Alegre.

 Um homem e sua união estável com duas mulheres

TRF-4 mantém liminar que impede governo do RS de arquivar a extinção da Fundação Piratini.

 CF da OAB diz que o modelo da Agência Nacional de Saúde e outras reguladoras está falido.

 Auxílio-acidente depois do auxílio-doença.

 MPF vai pedir, em agosto que Adriana Ancelmo volte para a prisão.

Potins desta sexta-feira

•  Cartazete em escritório de advocacia gaúcho explica a cobrança de R$ 150 por consulta: “É da mesma forma como acontece quando o(a) distinto(a) cidadão(ã) vai a um médico particular”.

• Pensões distintas para filhos do mesmo pai. O STJ flexibiliza o princípio da igualdade absoluta de direitos.

•  Um precedente do TST que vai mexer no adicional noturno.

•  Restrições ao prazo em dobro quando houver litisconsórcio de réus.

•  Os apertos de julho... E o que nos espera em agosto?