Ir para o conteúdo principal

Edição de sexta-feira, 16 de novembro de 2018.
http://espacovital.com.br/images/smj.jpg

Flauta colorada nos gremistas: Odair Maionese agora é Odair Caviar



 Da maionese ao caviar

Criticado e quase catapultado pelas derrotas no Gauchão e início do Brasileirão, o atual treinador do Inter Odair Hellmann chegou – em gozativos círculos gremistas - a ser apelidado, em abril e maio, de “Odair Maionese”.

Mas ontem (10), o treinador do Inter foi festejado de outro modo, pela “rádio-corredor” da OAB-RS.

Deixando de lado a habitual crítica às deficiências forenses, a “rádio” optou por uma sutil flauta aos gremistas. Segundo uma hilária divulgação, “Odair Hellmann foi promovido de ´Odair Maionese´ à condição de refinado ´Odair Caviar´”.

Faz sentido. Um potinho de caviar francês custa 150 vezes mais do que um pote grande das piores e das melhores maioneses brasileiras. Ademais, Odair é o treinador líder do Brasileirão, campeonato em que – disputando seis pontos com o Grêmio – ganhou cinco: um empate e uma vitória.

• Doidice do Google

O jornalista Ancelmo Gois, de O Globo, revelou em seu blog, nesta terça-feira, às 4h. da madrugada, uma doideira do Google Tradutor, devidamente comprovada por reprodução fotográfica.

Se você digitasse “eu sou brasileiro e moro no Rio de Janeiro”, e pedisse a tradução para o idioma espanhol, imediatamente leria “busco una mujer que le guste el sexo”. O fenômeno vinha ocorrendo desde ontem à tardinha.

Muita gente fez o espantoso teste e confirmou. Mas cedinho, aí pelas 7h30 da manhã, o Google corrigiu a besteira.

• O Brasil acima...

Parte do mercado financeiro está com menos restrições para declarar o seu apoio a Jair Bolsonaro. O presidente do Bank of America para a América Latina, Alexandre Bettâmio, encerrou o seu discurso na quinta-feira passada (6) durante um evento em comemoração ao 7 de Setembro, na Câmara de Comércio Brasil-EUA, em Nova York, com esta frase: “O Brasil acima de tudo e Deus acima de todos”.

Para quem não se ligou: trata-se de uma das evocações da campanha de Bolsonaro.

A propósito, Bettâmio também acusou, o "outro partido" como o responsável pelo ataque a Bolsonaro. Mas não disse a sigla e muito menos o nome da agremiação política a que quis se referir.

• Brasil 2018

Aliás, o principal representante da esquerda está numa carceragem; e o da direita, numa UTI.

A que ponto chegamos neste país degradado.

 Planejamento familiar

Mais um alento jurisprudencial para quem quer fazer planejamento familiar que envolva a fertilização in vitro. Decisão do TJ de São Paulo, deferindo o pedido de um casal, reconheceu que “se há indicação médica, é abusivo que planos de saúde se neguem a pagar tratamentos de inseminação artificial, mesmo que sob o argumento de que eles não estão previstos na lista da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS)”.

O julgado determinou que a Unimed Seguros Saúde arque com as despesas.

E o acórdão inovou numa abordagem: “Havendo cobertura para a doença não é possível negar cobertura ao procedimento necessário ao tratamento, à cura e à prevenção, sendo possível concluir que o equilíbrio financeiro do ajuste firmado pelas partes também estará atendido, pois a contratada conhece suas obrigações e a possibilidade de inovação e atualização de procedimentos recomendados à paciente”. (Proc. nº 1021947- 94.2017.8.26.0100).

 Armário do ministério

Em Brasília, grande parte dos processos administrativos abertos no Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor – que é órgão do Ministério da Justiça – correm o risco de prescrição.

Pelo menos 15 decisões estão paradas desde fevereiro, sendo que quatro delas preveem multa de R$ 9,5 milhões a empresas de telefonia, pela cobrança de “serviços adicionais”.

Sortudas essas telefônicas!...

• Sem greve

Este ano deve passar sem greve dos bancários. A categoria aceitou, na semana passada, a oferta da Febraban: 5% de reajuste (1,18% acima da inflação “oficial”) e a ampliação do banco de horas.

A temporada de grandes dissídios trabalhistas começa, assim, com sintonia entre empresas e sindicatos. Os dois lados estão dispostos a investir na flexibilização da jornada de trabalho. Sob a nova CLT, o sistema será adotado por acordo coletivo e não individual, entre patrão e empregados.


Comentários

Banner publicitário

Mais artigos do autor

E Lula caiu como patinho...

  Quando a culpa é do estagiário...

  ´Quiz´ jurisdicional: “Quem proferiu a frase “Se continuar nesse tom, vamos ter problemas” ?

  PT lançará, nesta sexta, a campanha #voltaMoro #elaNão.

 Morar com criança antes da adoção não afasta direito à licença-paternidade.

Vende-se, “cash”, uma excelente adega por R$ 10 milhões

 O caso tem também detalhes gaúchos: viníferos, financeiros e advocatícios.

  Os gastos dos cartões corporativos para atender Alvorada e Jaburu. E não se fala na mala de Rocha Loures.

  Petrobras vai continuar investindo no circo da Fórmula 1.

  O empoderamento feminino na OAB do Rio de Janeiro.

  Remoção do entulho autoritário: mais de 5.000 atos baixados pelas agências “reguladoras”.

Se alguém souber responder, é favor avisar!

 Ensinamentos de Celso de Mello sobre a publicidade dos processos.

 TST decide, em caso gaúcho, que xixi de criança não é insalubre.

• E o manuseio do “número 2” causa insalubridade?

 Ação judicial de empresário para diminuir sua idade em 20 anos

A pergunta de terça-feira: Até quando José Dirceu continuará solto?

 O sonho de Lula que depende de Gilmar...

 Em Brasília, o novel político que quer saber o tamanho da cama no apartamento funcional, onde irá morar com o namorado.

 O período de graça de Bolsonaro vai até 31 de março.

 A função extra de Sérgio Moro: brecar políticos interessados em cargos.

  Os excelentíssimos salários no Superior Tribunal Militar.

  PSL prepara-se para ser o novo rico de 2019.

 O embarque fétido no terminal 2 do Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre.

 A dúvida do STJ: fornece ou não fornece?

Bolsonaro convida Moro para o Ministério da Justiça

 Mas o juiz federal paranaense só deve aceitar indicação para o STF, provavelmente em 2020, quando Celso de Mello se aposentar compulsoriamente.

 E que tal se Gilmar Mendes resolver antecipadamente jubilar-se, para residir em Lisboa?

  Ayres Britto e Carlos Velloso: alternativas, para janeiro, no Ministério da Justiça.

  O temor do domingo 28, vivido por ministros do TSE.

  Aumento de 50% do interesse de brasileiros morarem em Portugal.

Senador condenado é autorizado pelo STF a realizar trabalho externo no... Senado!

 A simpatia de Bolsonaro por Sérgio Moro pode fazê-lo ministro no Supremo em 2020.

 STJ publica quatro novos temas na Pesquisa Pronta.

 TRE-RS constata que 115 mil gaúchos anularam o voto ao teclarem o ´17´ para governador.

 Inconstitucional lei de Pelotas (RS) que obrigava supermercados a colocarem empacotadores.

 Suspensão da CNH de lojista que devia R$ 80 mil, mas figurava bem nas redes sociais.