Como a tecnologia que está no varejo pode trazer insights paro ramo jurídico?


Você tem noção do que a tecnologia está impactando/mudando o setor de varejo, logística e transporte? Ideias de On/Off - line?

Vamos ver este vídeo do Arthur Igreja para abrir a mente.

O que você viu que pode se traduzir para o jurídico? Nada? Tem certeza?

Como você se comunica com o público interno? E o externo? Você diz que faz as áreas Cível/Trabalhista/Previdenciária - ou você sabe o que o mercado precisa (conhecimento das demandas, dos negócios) e publica, expõe o seu conhecimento sobre isto (mesmo a ideia do Sal Grosso no prédio, demonstra saber o que o cliente quer e não uma simples necessidade).

E o impacto da tecnologia na área jurídica?

Assim como os lockers da Nike são um sonho de consumo ao consumidor, robôs na área jurídica estão transformando o dia a dia dos escritórios. Eles trazem conhecimento (chatbots de pesquisa), atualizando relatórios (de clientes, internos, nos tribunais), checando informações, e saneando bases internas (comparar o seu sistema com o do Judiciário), ganhando tempo estratégico aos advogados, ao fazer tarefas repetitivas, enquanto o profissional da advocacia se volta para o nuclear da sua profissão que é atender, defender, criar estratégias para o seu cliente. Da tecnologia que gera mais tempo para o negócio, que igualmente gera mais negócios ao profissional jurídico.

Neste sentido, qual o seu investimento de tempo, dinheiro, conhecimento para montar estratégias jurídicas de tecnologia?

É que o uso sábio destas ferramentas cria diferenciais competitivos fortes, num cenário de quase 1,2 milhões de advogados no Brasil.

Quer crescer, destacar e principalmente permanecer na área jurídica? Conheça e aplique a tecnologia no seu dia a dia!

>>>>>>>>>>
Coloco o meu endereço de e-mail à disposição dos leitores. Comentários, sugestões etc. serão bem-vindos: gustavo@gustavorocha.com