Ir para o conteúdo principal

Edição de sexta-feira, 22 de março de 2019.
https://espacovital.com.br/images/smj.jpg

Reclamante pede na Corregedoria do TRT-4 ressarcimento por viagem inútil



Arte de Camila Adamoli sobre imagem Google Maps e foto divulgação TRT-4

Imagem da Matéria

• 13 de agosto, cruz, credo!

Lembram da correição deferida contra a juíza Themis Pereira de Abreu, titular da 19ª Vara do Trabalho de Porto Alegre, por sua irregular assiduidade às audiências?

Pois já está na Corregedoria do TRT da 4ª Região cópia de uma original reclamação pessoal contra a magistrada. A autora de uma ação trabalhista contra o Hospital Nossa Senhora da Conceição registrou em termo, nos próprios autos, lavrado pelo secretário de audiências Paulo Roberto Teixeira, a seguinte reclamação contra a ausência da juíza na audiência que deveria ter se realizado na segunda-feira 13 de agosto:

“A reclamante atualmente reside em Toledo (PR), tendo se deslocado de automóvel, de lá para Porto Alegre (900 km), para a realização da solenidade, com gastos de combustível e estadia. Entende ter sido prejudicada e requer o ressarcimento de seus prejuízos, seja pela juíza, seja pela União”.

A trabalhadora equivocou-se na quilometragem: não são 900 quilômetros, mas sim 830 (ida), outros 830 (volta). Foram 1.660 km percorridos, com tempo perdido e dinheiro desembolsado, etc.

A ação já tem dois anos e dois meses de tramitação, está com a instrução encerrada. Mas a sentença não tem data para ser publicada. (Proc. nº 0021017-43.2016.5.04.0019).

A reclamante desempregada tem razão: certos casos de descaso jurisdicional são mesmo tristes! Mas para ressarcir-se dos gastos pela deficiência jurisdicional, ela terá que ingressar, na Justiça Federal, com ação específica contra a União.

Foi o que fez um reclamante que, calçando chinelos, foi impedido pelo juiz do Trabalho Bento de Azambuja Moreira, em Cascavel, de ingressar na sala de audiências. À época (2007), o caso foi registrado com primazia pelo Espaço Vital.

A União depois foi condenada a pagar R$ 10 mil ao operário. E mais tarde, em ação regressiva, a União cobrou-se do magistrado que tivera o ataque de juizite.

• Onde se “desapertar”?...

Não só Porto Alegre tem deficiências de banheiros públicos. Na capital gaúcha eles são escassos e – onde existem – frequentemente malcheirosos. No Rio de Janeiro é assim também.

Pois um gaiato carioca criou, no Instagram, o perfil “Onde c... no RJ”.

O jornalista Ancelmo Gois informou, em sua página de O Globo, que o aplicativo – tal como o nome sugere – indica banheiros públicos onde o número 2 pode ser feito com tranquilidade.

Dentre vários exemplos, uma sugestão: o TRT da 1ª Região, na Lapa, com a seguinte recomendação: “Suba até o 10º andar e pegue mais um lance de escada; banheiro deserto, limpíssimo”).

O aplicativo tem até “utilidade pública”, informando onde os banheiros públicos estão interditados: um deles é o da Biblioteca Nacional do Centro do Rio. Ali também onde o papel é escasso...

•  O armário da comarca de abriu...

Lembram do caso da ação popular que, em Canela, condenou a Maiojama Empreendimentos a pagar uma indenização milionária por irregularidades no loteamento Reserva da Serra?

O caso foi contado aqui pelo Espaço Vital na sexta passada, relatando incidências da tramitação processual de 12 anos e meio.

Dois dias úteis da publicação aqui, a juíza local deu uma sacudida no cartório e um dia depois os autos foram remetidos ao TJRS.

Vamos acompanhar quem, no TJRS será mais rápido: a tartaruga judicial ou a Deusa Themis?...


Comentários

Banner publicitário

Mais artigos do autor

Quem se habilita a adivinhar?

· Redes sociais lançam o “Bolão da Mala”...

· Skype, já! Juiz inova no contato com advogados.

· Adjetivos qualificativos na moda: “ministro sócio de políticos”; “gangsters”; “gentalha”... Quem dá mais?.

· Se Temer pedir um habeas corpus, quem será o relator?

· Horas antes de ser preso, Moreira Franco estava hospedado na casa de Rodrigo Maia.

· Acredite se quiser! Assembleia Legislativa do Rio dá posse a cinco deputados presos.

Marido canalha: o dentista que, sabendo ser portador de HIV, contaminou a própria esposa

· No primeiro caso dramático desse tipo de drama de família que chega ao STJ, indenização confirmada de R$ 120 mil.

· Cárcere e poder: Rodrigo Maia, presidente da Câmara, é casado com a filha de Clara, mulher de Moreira Franco, preso ontem.

· Refeições de Temer: depois do restaurante caro, as “quentinhas” da Polícia Federal.

· Presidente da Câmara destrata Sérgio Moro: “funcionário do presidente Bolsonaro”.

· Os dois celulares que o coronel Lima tentou esconder.

Sérgio Moro e Polícia Federal miram no Facebook e no Whatsapp

 Um acordo internacional que permita ao Brasil – sem a necessidade de pedido judicial - acessar dados de pessoas investigadas que têm cadastros nas redes sociais.

• A nova verdade jurídica brasileira: o dinheiro mal havido sempre vem das sobras de campanha.

 STJ decide que diárias de hotéis podem ter 21 horas.

Sérgio Cabral e Adriana Ancelmo pensando: vão, ou não, entregar o Judiciário?...

 Quando Madame Tartaruga Jurisdicional se interessa por ações contra bancos poderosos...

A “flauta” colorada direcionada contra o Grêmio nas redes sociais

•  Clube tricolor estaria oferecendo “bicho extra” de R$ 15 mil a cada jogador, por uma vitória no Gre-Nal.

•  Ementa de Marco Aurélio será curta e grossa: "Compete à Justiça Eleitoral julgar os crimes eleitorais e os comuns que lhe forem conexos".

•  Precedente do STJ, em caso gaúcho, proporciona cobrança mais eficaz de cotas condominiais.

•  Duas penalidades de censura a promotora de justiça por ofensas a quatro ministros do STF.

•  Reação nacional contra a “taxa de conveniência” começou no RS em 2013, quando o grupo Red Hot Chili Peppers veio ao Brasil.

•  Decisão judicial breca aumento de 70% aplicado pela Amil.

•  Eduardo Cunha começa a sonhar com a saída próxima.

•  STF autoriza que juiz Eduardo Luiz Rocha Cubas volte ao trabalho.

Quem sabe onde fica o fórum da foto?

• Nas redes sociais gaúchas, uma pergunta repetitiva: qual o “foro competente” onde o boi e a vaca se reconciliaram?

 Mulheres ganharão mais do que os homens somente a partir do ano 2050.

 Senadora que não se reelegeu vira assessora de deputada. É a política perpétua...

• Michel Temer: campeão de impopularidade.

• Bolsonaro é recomendado a manter distância da CBF e da Conmebol.

• A folga da tornozeleira do ex-deputado Pedro Corrêa (PP-PE).

Ataque de sapo no banheiro feminino de casa noturna gaúcha!

• O insólito acontecimento, que causou alergia a uma frequentadora , motivou registro de ocorrência policial.

 Filas em bancos: um problema detectado por estudioso da Dinamarca em 1909.

 Em ação por dano moral contra o Banco do Brasil (por 1 hora e 13 minutos de espera), advogado viu o STJ decidir que se trata de “mero aborrecimento diário”.

• Centroavante gremista foi vendido para o futebol chinês, mas perdeu o voo...