Ir para o conteúdo principal

Edição de sexta-feira , 14 de dezembro de 2018.
https://espacovital.com.br/images/jus_azul_foto1.jpg

O epíteto PRAVDA pegou para a IVI e seus veículos



Arte de Camila Adamoli sobre fotos Google Imagens

Imagem da Matéria

Pegou geral o epíteto PRAVDA para a IVI e seus veículos. A matriz do PRAVDA, órgão oficial do PIVI, Partido da Imprensa Vermelha Isenta, fica na avenida Ipiranga. Isso é óbvio. Os demais veículos da IVI se esforçam para “iviar”. Conseguem e até exageram, como o cabo Daciolo da IVI, a quem falta só querer retirar a estátua do Renato (para quem não sabe, o Daciolo verdadeiro quer tirar as estátuas que estão em frente às Lojas Havan).

Mas o que chamou mais a atenção foi o ´antes´ e o ´depois´ do jogo Grêmio x Tucumán. A IVI fez onda. Tentou condicionar Renato e o Grêmio para que fizessem retranca. Aconselharam um bom SINPOF (´sindicato do pontinho fora´). Pedro Ernesto pediu retranca contra o Tucumán. Bingo!

Bom, o Grêmio deu um chocolate no Tucumán e Pedro Ernesto, que não erra nunca, lascou: “O Tucumán é muito ingênuo”...

Binguíssimo. Pronto: eis o Target Effect (efeito alvo). Ele atira a flecha e depois vai lá e pinta o alvo em torno da flecha. Resultado: não erra nunca. Profeta sobre o passado.

Mas tem mais. A IVI atacou em bloco o Grêmio, desta vez por conta da demissão dos médicos. O PRAVDA sentenciou: crise no Grêmio! Também aqui Pedro Ernesto foi protagonista, a ponto de Renato e Romildo responderem duramente. Veja-se, no ponto, a ilustração que, apropriadamente, colore o Jus Azul de hoje.

Já a fala do presidente Romildo nem preciso colocar. Pediu explicitamente (ou seja, deu nome aos bois) que a IVI - especialmente o PRAVDA da Ipiranga - deixasse o Grêmio trabalhar em paz!

Tem mais: a CIA, Comentaristas Isentos de Arbitragem - cujo presidente vitalício é o comissário - não se ajuda. CIA é IVI, IVI é CIA (para imitar a propaganda política). Depois de dizer que a arbitragem no Gre-Nal foi supimpa, o pobre do árbitro – que fez péssima arbitragem - foi rebaixado para a segunda divisão.

Para completar, o comissário Diori disse que o VAR beneficiou o Grêmio no jogo contra o Tucumán. Jenial (com j). O sujeito pisa nas costas do Alisson e é o VAR que ajuda o Grêmio. Mas o VAR serve para o quê? Não seria para isso? Bingo.

Wittgenstein (não é jogador do Bayer) dizia: “Sobre o que não pode falar, é melhor se calar. O silêncio vale ouro”.

A outra do Diori, encordoando insucessos de público e renda, foi o comentário visando condicionar a arbitragem de Inter X Corinthians. Avisou que o árbitro poderia prejudicar o Inter. E nem ficou vermelho. Ops! Que confusão de cores. Semântica, sinonímias, metáforas, tudo acaba no vermelho...

Ah: o comissário Diori não viu impedimento no gol do Inter. Cegueira para quatro impedidos! Essa CIA...! Esse comissário...

E outro líder do PIVI, Diogo Olivier, finalmente abandonou a tese do centroavante aipim e veio para o nosso reduto!

Alvíssaras! Só espero que, quando interessar, não queira aipim para o Grêmio. A IVI é incrível: quando há um pequeno problema no Inter, todos procuram ajudar. A derrota para a Chape deixou a IVI enlouquecida.

A tese do PRAVDA dos pampas é esta: Quando há um problema no Grêmio, fazem de tudo para inflar, despistar, desmobilizar, desdenhar do adversário. Veja-se: Tucumán era o bicho. Como o Grêmio amassou, Tucumán virou ingênuo.

Novilíngua. A mesma coisa...com o nome trocado. Como no romance “O Nome da Rosa”... Aliás, a rosa perde seu perfume se lhe trocarem de nome? A IVI pode trocar de tática...mas IVI é IVI.

Novo lema que passo a vender: a IVI veste PRA(V)DA. Que em russo quer dizer: a verdade.

No mais, para prestigiar o Cabo Daciolo, não comprem nas Lojas Havan. Lembrem-se que ele prometeu derrubar aquelas “estaltas” horrorosas que estão na frente das Lojas.

Notícia de última hora: meus informantes dizem que Daciolo também prometeu derrubar a IVI. Vamos orar! Por isso, somos todos Daciolo!

By the way: eu não compro produtos que patrocinam a IVI.


Comentários

Banner publicitário

Mais artigos do autor

Números e números! E o cursinho Walita da CBF!

“Para terminar o ´nhenhenhém da poupação´ de jogadores, os números do Palmeiras são arrasadores. Envergonham o Grêmio. E sabiam que o Bressan cometeu 34 pênaltis?”

Não há DU (vi) DA sobre jogadores ruins!

“O Grêmio vive uma espécie de império da opinião dos jogadores. Parece-me que eles instituíram uma “proto-ditadura”. Quem manda, afinal, no clube?”

O ´chapabranquismo´ pode ser fatal!

“Torcer é também exercer uma saudável crítica. Um clube não é como o regime da Coreia do Norte. Tem de ter racionalidade crítica. E coragem para criticar termos Douglas no banco, num jogo decisivo pela Libertadores, e não relacionar Matheus Henrique e Jean Pierre”.

Operação ´Apito Amigo´

“Cuidem-se vovô Ceará e Lisca! ´Eles´ vêm aí! (...) Dizem as redes sociais que Noveletto deu a ordem: ´Na dúvida, e mesmo sem ela, pênalti para o Inter´”.