Ir para o conteúdo principal

Edição de sexta-feira, 22 de março de 2019.
https://espacovital.com.br/images/jus_azul_caricatura_2.jpg

Pedidos ao Papai Noel



Camera Press

Imagem da Matéria

Natal. Tempo de fazer pedidos ao bom ou mau velhinho. Em termos de futebol, o que um gremista deveria pedir? Vamos lá.

1. Que o Grêmio não faça ´nhenhenhê´ em torno de coisas como “o calendário da CBF”.

2. Que o Grêmio não priorize competições, como não priorizam competições times do naipe de um Real Madrid ou de um Barcelona. (A propósito, Papai Noel, pergunte pro Guardiola se ele já recebeu pressão ou teve, ele mesmo, a intenção de poupar jogadores?).

3. Papai Noel, quero que o Grêmio imite o Real Madrid e escale nossos jogadores titulares, como escalou e escalará Modric, o campeão de milhagem. Lá no Real Madrid não tem ´nhenhenhê´ do tipo “Ah, tenemos muchos juegos” ou “Ah, yo estoy agotado”. Nem na Alemanha se ouve coisas como “Ah, ich bin wirklich körperlich erschöpft“ (Estou deveras desgastado fisicamente). Papai Noel, peça para o Grêmio se mirar no Modric-que-não-faz-´nhenhenhê´!

4. Que o Grêmio não fique refém dos fisiologistas, que não entendem um ovo de futebol e se metem onde não devem meter o nariz (e se entendem, não deveriam se meter).

5. Papai Noel, conceda-me (veja a próclise bem usada) este desejo: o de que o presidente Romildo demita o primeiro fisiologista que disser “tem de poupar” ou “tem de priorizar competições, por causa da linha de comportamento fisiológico dos atletas”.

6. Que o Grêmio volte a treinar cobranças de faltas; os últimos jogadores que cobravam faltas foram Tadeu Ricci e Anderson Lima. A propósito, Papai Noel me diga por que ninguém mais treina cobranças de faltas? Hein? E por que os jogadores insistem em cobrar escanteios no primeiro pau? Que contrassenso é esse de criar contra-ataques, meu “Bom Velhinho”?

7. Papai Noel, preste atenção: que o Grêmio não fique refém dos jogadores e nem de um grupo de cascudos, como que a imitar o mecanismo do presidio central, em que as facções controlam o “sistema”.

8. Que o Grêmio contrate um jogador canhoto para o meio campo, que cadencie o jogo e que não se queixe do excesso de jogos; que Renato largue de mão a tese do centroavante aipim ou centroavante fuçador (se insistirem nisso, deem-lhe um porco, que é um centroavante fuçador por essência);

9. Um pedido muito especial, Pai Natal: que diminua sensivelmente o número de torcedores chapas-brancas. Eles são deletérios para o Grêmio (veja no dicionário o que é deletério).

10. Que o Grêmio deseje ganhar o Campeonato Brasileiro depois de tantos anos! Inocule esse bom vírus no treinador Renato e na alta direção – e que esta não tenha “duda” a esse respeito (vai me dizer que gosta de trocadilhos, Pai Natal?);

11. Desejo final (metadesejo): não precisa atender estes desejos se continuarmos com o ´nhenhenhê´ de poupar jogadores. Uma coisa é condição das outras.

Até breve!

Jus Azul mais curtinho hoje. Com as próximas férias coletivas do Espaço Vital, desde já desejo Feliz Natal para todos. Reencontremo-nos na primeira semana de fevereiro.

E não esqueçam do twitter do Jus Azul: @streckgremio (Lenio Jus Azu). Fui!


Comentários

Marcio Wilkm - Exilado Em Mato Grosso 18.12.18 | 12:42:25
Bem... se o próprio técnico (manda-chuva e trovoadas) afirma que jamais irá deixar de "poupar" seus atletas...Feliz Natal Palmeiras, Real Madrid....
Banner publicitário

Mais artigos do autor

Fundada a AVI – Arbitragem Vermelha Isenta ...

O mais novo integrante do grupo de assopradores pró Inter é Daniel Nobre Bins. Ele se junta a Anderson Daronco, Leandro Vuaden, Vinicius Amaral e outros de menor expressão (por enquanto...)

Por que não há mais cobradores de faltas?

“Conclamo os leitores a olharem atentamente a foto e a recordarem os tempos gremistas de Tadeu Ricci, Nelinho, Anderson Lima e outros. E tem também uma pérola de David Coimbra, postada em 2015: ´Esse Romildo Bolzan não entende de futebol!´”...

A relação entre sexo e pênaltis

A foto chamativa que aproxima Diori Vasconcelos, Anderson Daronco, o zagueiro Moledo, Bill Clinton, Monica Lewinski, etc. E o pênalti (não marcado) que favoreceu o Inter e prejudicou o Veranópolis.