Ir para o conteúdo principal

Edição de terça-feira , 13 de agosto de 2019.
https://espacovital.com.br/images/mab_123_17.jpg

As supremas especulações sobre dois futuros ministros do STF



Arte de Camila Adamoli sobre fotos do TRF-4/Divulgação (E) e Google Imagens (D)

Imagem da Matéria

 Quem sobe!

Magistrado de carreira desde 1993, o desembargador federal João Pedro Gebran Neto – um dos integrantes da 8ª Turma do TRF-4 que julga os recursos das ações penais da Lava Jato – entrou ontem (15) em antecipado tititi da “rádio-corredor” do Conselho Federal da OAB.

Locutores jurídicos propagaram que “Gebran será o primeiro escolhido por Jair Bolsonaro na vaga que se abrirá em 1º de novembro de 2020 com a aposentadoria compulsória do paulista Celso de Mello”.

Da mesma fonte: “Só a segunda vaga, que se abrirá em 12 de julho de 2021 com a aposentadoria do carioca Marco Aurélio Mello, é que será destinada a Sérgio Moro – que, terá até então mais dois anos e três meses para caçar corruptos e tratar das mudanças dos arcabouços da legislação penal”.

Sérgio Moro era juiz de carreira desde 1996 – mas em dezembro passado renunciou ao cargo, para assumir o Ministério da Justiça e, oportunamente decidir sobre seu futuro profissional.

Um outro jurisconsulto logo complementou: “A depender do cenário político, Sérgio Moro poderá, porém, desistir do Supremo e ficar ministro da Justiça para em 2022 se candidatar à Presidência da República”.

  “Menino de ouro”

Durante a investigação que culminou no indiciamento do gaúcho Anderson Dornelles, ex-assessor de confiança de Dilma Rousseff durante quase 20 anos, a Polícia Federal descobriu um currículo de gaveta.

Chamado de “bebê” e “menino de ouro” e tido como o auxiliar preferido da ex-presidente da República – mas cansado de viver no Brasil – Anderson havia pedido, a Marcelo Odebrecht, um emprego em Londres. O mega operador da construção civil respondeu, porém, negativamente: “É que a Odebrecht não tem escritório na capital inglesa”.

Em tempo: por força das circunstâncias políticas, Anderson foi nomeado, em fevereiro, para assessorar a liderança do Avante na Câmara dos Deputados. Ele ocupa “cargo de natureza especial-09”, que rende R$ 11,6 mil mensais.

Não dá direito a penduricalhos.

 Onde está?

Supostamente em “lugar incerto e não sabido”, a fortuna pretensamente amealhada por Michel Temer entrou nas buscas do MPF do Rio de Janeiro.

A linha investigativa segue os mesmos preceitos e mandamentos usados para chegar aos US$ 100 milhões que Sérgio Cabral mantinha em paraísos financeiros no exterior.

 

 Anuidade zero na OAB

O Conselho Federal da OAB assinou contrato com a empresa Deloitte (de capital belga, com filiais no Brasil) para criar e implementar o programa Anuidade Zero, que permitirá que advogados troquem pontos de suas compras via cartões de crédito, ou em estabelecimentos credenciados, por descontos em anuidades.

A medida já existe experimentalmente em seccionais, e a expectativa é que a ação nacional comece a funcionar em agosto em todo o país. O presidente nacional Felipe Santa Cruz afirmou que “o programa será uma das prioridades da atual gestão”.

O programa funcionaria como um serviço de pagamento com bonificação. O valor gasto em compras em lojas, aquisição de passagens e pagamento de refeições seria convertido em pontos, depois transformados em descontos ou no abatimento total no valor da anuidade.

__________________________________________________________________________________________
Siga o Espaço Vital no Facebook !

Estamos com perfil novo no Facebook, mais atuante e sempre levando as notícias do meio jurídico, humor e crítica. Aquele anterior perfil a que o leitor se acostumou até 2018, não mais está ativo. Interaja conosco no novo local certo. Siga-nos!

Este é o novo perfil do Espaço Vital no Facebook: clique aqui


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser comentar ou esclarecer alguma notícia, disponha deste espaço.
Sua manifestação será veiculada em nossa próxima edição.

Comentários

Banner publicitário

Mais artigos do autor

Ação do presidente nacional da OAB contra Bolsonaro no STF

· A interpelação será para que o presidente diga o que sabe "sobre a morte de Fernando Santa Cruz, ocorrida em março de 1974”.
· Justiça nega autorização para que Eduardo Cunha vá ao casamento da filha.
· Por que os árbitros de futebol não estão mais usando o spray no local da barreira?
· EUA vão retomar as execuções da pena de morte.

Arte de Camila Adamoli

“Sem advogado não há justiça”

 

“Sem advogado não há justiça”

 Tal frase, criada pelo advogado Oswaldo Vergara em 1967, é o dístico da medalha que homenageia profissionais com notabilidade de serviços à classe advocatícia.

  Sessão Magna da Advocacia será no dia 9 de agosto.

  Impasse em ação bilionária da Varig. A massa falida cobra R$ 6 bilhões; a União diz que a condenação foi de R$ 3 bilhões.

  A cada semana, o crescimento da superioridade feminina na advocacia gaúcha: elas já são 42.078; eles, 41.997.

  Ataques também contra os telefones de Jair Bolsonaro.

GPS Life Time

Projeto de lei permite que professores usem armas de eletrochoque nas escolas

 

Projeto de lei permite que professores usem armas de eletrochoque nas escolas

 O texto disciplina o uso de equipamentos não letais pelo docente nos estabelecimentos de ensino da rede pública e privada em todo o território nacional. E altera o Estatuto do Desarmamento, para dispor sobre “armas de incapacitação neuromuscular”.

 Rugas de preocupação para quem se cadastrou no FaceApp.

  Advogadas já são 67 a mais do que os advogados na OAB-RS.

  Cabimento de ação autônoma para a definição e cobrança de honorários advocatícios sucumbenciais, caso a decisão transitada em julgado seja omissa.

Arte de Gerson Kauer sobre imagem Freepik

Discrepância estatística sobre o número de advogadas gaúchas

 

Discrepância estatística sobre o número de advogadas gaúchas

 Dados oficiais do CF-OAB revelam que, esta semana, a vantagem do gênero feminino cresceu mais um pouquinho.

 Contagem feita pela OAB-RS revela, porém, supremacia quantitativa masculina: 40.893 x 37.747.

 Condenação da Volkswagen do Brasil por determinar que empregado começasse a jornada indo ao refeitório para jantar.

 Comissão indevida quando negócio imobiliário se desfaz por culpa do corretor.

 Em busca de emprego, 93% das pessoas com diploma de curso superior admitem ganhar menos.

Imagem Freepik – Edição Gerson Kauer

   Mulheres já são maioria na advocacia gaúcha!

 

Mulheres já são maioria na advocacia gaúcha!

• Na sexta passada (12) elas passaram à frente na estatística do RS: são 41.967 a 41.949.

 Nacionalmente, o aperto financeiro da advocacia: número de profissionais inadimplentes com a anuidade à OAB é de 516 mil.

• O crime compensa: Antonio Palocci passa, em setembro, para o regime aberto.

 Do bloqueio judicial de R$ 128 milhões do ex-ministro, só R$ 61 milhões foram constritos.

Imagem: Freepik / Edição: Gerson Kauer

Crime de adulteração dentro do próprio Poder Judiciário

 

Crime de adulteração dentro do próprio Poder Judiciário

· Escrevente da Vara de Família de Alvorada (RS) chegou a ser preso preventivamente, foi solto por decisão do STJ e restou exonerado pelo TJ gaúcho.
· Fraude dos alvarás tem mais quatro réus. E uma ação de improbidade administrativa tramita sob sigilo por decisão judicial.
· O novo ataque (ou atraque) de políticos ao bolso dos cidadãos que pagam as contas da Nação.
· E a curiosa possibilidade brasiliense da reencarnação do boi...