Ir para o conteúdo principal

Porto Alegre (RS), terça-feira,
31 de março de 2020.
https://espacovital.com.br/images/smj.jpg

Ultrajes e vilanias contra Patrícia Pillar



Reprodução/ TV Globo

Imagem da Matéria

  Que horror!

A global Patrícia Pillar, 56 de idade, está enfrentando nós processuais em uma ação judicial, no 6º Juizado Especial Cível do Rio de Janeiro. Desde maio de 2019 tramita ali uma ação dela contra dois internautas (José de Ribamar Ferraz de Araújo e Sérgio Zanella) que postaram ofensas em rede social.

Escreveram assim:

“Você é uma dessas vagabundas que se dizem artistas. Por que não vai tirar fotos nua na Playboy ou na Sexy para bancar as suas mordomias, ou então arruma outro macho que seja político ladrão para te bancar?”.

Que azedume pessoal e verbal!

Patrícia foi casada com o político Ciro Gomes, de 1999 a 2011. Depois, de 2015 a 2019, manteve união estável com o gaúcho (de Santo Ângelo), Carlos Henrique Schroder, diretor-geral da Rede Globo. Os ultrajes contra a mulher e a profissional de tevê são inaceitáveis.

A magistrada sorteada para a causa declarou-se impedida - (CPC, art. 144, inciso III) – hipótese clara: “Quando nele estiver postulando, como defensor público, advogado ou membro do Ministério Público, seu cônjuge ou companheiro, ou qualquer parente, consanguíneo ou afim, em linha reta ou colateral, até o terceiro grau, inclusive”.

Assumiu o substituto de tabela, mas já ocorreram dois adiamentos porque um dos réus – que residiria em São Paulo – não foi localizado. A audiência inicial teve, agora, nova designação: 10 de junho de 2020. (Proc. nº 00111245-47.2019.8.19.0001).

  Conhece alguém não ligado no WhatsApp?

Uma pesquisa da Panorama Mobile Time/Opinion Box revelada ontem à noite traz uma tabulação final impressionante: dos 1.987 brasileiros entrevistados em fevereiro, que possuem smartphone, 1.958 usam o WhatsApp. São impressionantes 99%! É o maior percentual de uso desde o começo da pesquisa periódica em 2015.

Outras revelações:

a) 98% fazem uso do aplicativo todos os dias ou quase todo o dia;

b) 24% dos entrevistados avaliam que “passam mais tempo no aplicativo do que deveriam";

c) Do total, só 13% se dispõem a reduzir esse tempo.

  IPTU de famosos

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, acaba de ter uma de suas leis contestadas no STF por Flávio Bolsonaro.

O senador entrou com um recurso extraordinário no Supremo para que o valor do IPTU no Município do Rio de Janeiro seja reduzido. A ação foi ajuizada quando Flávio era deputado estadual e nas instâncias inferiores teve sentença e acórdão de improcedência.

Os fatos remontam a 2017, quando o aumento do IPTU foi uma das principais receitas da gestão Crivella para tentar evitar a quebradeira. O relator é o ministro Edison Fachin. (RE nº 1255242).


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser esclarecer, comentar, detalhar, solicitar correção e/ou acréscimo, etc. sobre alguma publicação feita pelo Espaço Vital, envie sua manifestação.

Mais artigos do autor

Montagem EV

TempLo é dinheiro - com “L” mesmo, para atrair grana à igreja

 

TempLo é dinheiro - com “L” mesmo, para atrair grana à igreja

* Missionário R. R. Soares conclama, na tevê, que as pessoas que estão “reclusas” não esqueçam do dízimo.

* Quem sabe o que é o “SOS da Fé” ?

* Falha de comunicação da Ajuris ao anunciar que juízes de cinco comarcas doaram R$ 786 mil para hospitais do interior.

* Novo “enfarte jurídico” suspende assembleia geral da Fundação Universitária de Cardiologia.

Um repouso durante o home-office: ouvir Ivan Lins

 

Um repouso durante o home-office: ouvir Ivan Lins

 O grande artista, aos 74 de idade, fechado em sua casa em Lisboa, canta - numa ´live´ no Instagram - “A Cartomante” - e propõe: “Pense nos seus filhos”!

 Vitorio Piffero, ex-presidente do Inter, está sendo citado por edital. Lugar incerto e não sabido?

 Teorias e palpites sobre o que teria blindado Jair Bolsonaro da contaminação pelo Coronavírus.

 Davi Alcolumbre e Dias Toffoli reclusos em suas casas.

Visual Hunt - Imagem meramente ilustrativa

Decisão do TJRS diverge da Súmula nº 593 do STJ

 

Decisão do TJRS diverge da Súmula nº 593 do STJ

 Julgado gaúcho absolve homem de 23 anos que manteve relações sexuais (consentidas) com adolescente de 13.

 Ex-mensaleiro do PT presta socorro jurídico para a desembargadora Maria do Socorro, que está presa.

 Duas ações no STF contra Paulo Guedes por ter chamado servidores públicos de “parasitas”.

 Homem a cavalo usa camisa amarela com dizeres chamativos: “Políticos corruptos matam mais do que vírus”.