Ir para o conteúdo principal

Porto Alegre, sexta-feira, 14 de maio de 2021.
(Próxima edição: terça-feira, 18).
https://espacovital.com.br/images/leitores.jpg

O que virá depois do "auxílio-saúde"?



Charge de Nani

Imagem da Matéria

Sobre "O penduricalho do auxílio-saúde chegou causando controvérsias"

  • "Breve terminaremos pagando a estes senhores e senhoras da magistratura, Ministério Público e Defensoria Pública, até a troca da fechadura do banheiro da casa deles. Isso depois dos assemelhados, auxílio viagem, auxílio férias, auxílio computador, auxílio tablet, auxílio mesada dos filhos (até 30 anos), auxílio psiquiatra (excesso de trabalho), auxílio banda larga... e outros que serão criados pela necessidade futura".

          (ass.) José Mário De Boni, advogado.

  • "E risível, no mínimo, a OAB/RS estar se insurgindo agora, se o CNJ - que aprovou por unanimidade (15 x 0) o pagamento do tal de auxílio-saúde - tem entre seus 15 integrantes, dois advogados indicados pelo notório Conselho Federal da entidade. Que saudade do autêntico e ilustre advogado Jair Baldez Morales que em 1999 foi indicado por 95 das 100 Subseções da OAB-RS, como conselheiro federal da entidade".

          (ass.) Flavio Luís Lemos da Silva, desempregado.           

  • "É um escárnio! É um tapa na cara da sociedade!"

          (ass.) Martaisa Correa da Silva, advogada.   

  • "Não será surpresa, ante as novas nuances de autoritarismo, que entidades como o TJRS, o MPRS e a DPE-RS que tantas lindas histórias nos proporcionaram, tratem no futuro de tentar abiscoitar o ´auxílio-trabalho". Prêmio financeiro para quem no trabalho presencial, ou em home office, for assíduo às segundas, terças, quartas, quintas e sextas-feiras".

          (ass.) Matilde Duarte de Gonçalves, professora.

  • "Um deboche praticado pela elite do funcionalismo público estadual do RS. E tanto mais grave quando procuram das explicações tipo pipoca-quente: saltando fora, por onde for possível".

          (ass.) Helenilton L. Nonato, contador.

Sobre "A União Federal, os Estados-membros e municípios pegos com as ´calças na mão´”

  • "Para isso serve (ou deveria servir) o Estado (sim, esse que os liberaloides condenam!): o auxílio de última instância. E num Estado federado (como o Brasil!), a União assume a gerência estratégica de traçar os planos e alocar os recursos (tomem a forma que tomarem), e os demais entes, de executar e implementar esses planos e utilizar esses recursos. Mas os governantes devem ter uma mínima noção de como uma federação funciona..."

          (ass.)  César Augusto Hülsendeger, auditor público jubilado.

Sobre "Os dois negacionistas do futebol que vivem de recordações"

  • "Não gosto quando o articulista mistura suas preferências político-partidárias com futebol, não dá boa coisa. Se os ´negacionistas´ negassem o vírus - é proposital o vício - não propagariam o tratamento precoce. Afinal, tratar alguma coisa que não existe parece meio sem sentido, pois não...?"

          (ass.) Rogério Teixeira  Brodbeck, advogado.

  • "Parabéns pelo Jus Azul. Para ler os comentários dos blogueiros chapas-brancas do Grêmio, só tomando muito sal de fruta".

          (ass.) Wolmir Roberto Bee, bancário.

Sobre "Não haverá cura para o vírus Immobilis 19/20/21"

  • "Calma pessoal. Foi descoberta a cura. Remédio caseiro e que deve ser dado de meia em meia hora ao paciente atacado pelo ´immobilis 19/20/21, vulgarmente chamado de "quati" pelos estagiários do laboratório. É a vacina ´Vergonha na Cara´. Sem contra indicação. Idosos e jovens podem tomar. Eu já estou tomando a antirrábica, um dia sim, e no outro também";

          (ass.) Simone Serafini, advogada.

Sobre "Oh, Terezinha! Oh, Terezinha!"...

  • "No final do filme ´Apocalypse Now´, o império insano do coronel (Burton), é um prenúncio do que nos espera com este atual Supremo".

          (ass.) José Mario De Boni, advogado.

 

 

 

 

 


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser esclarecer, comentar, detalhar, solicitar correção e/ou acréscimo, etc. sobre alguma publicação feita pelo Espaço Vital, envie sua manifestação.

Mais artigos do autor

PNG Egg/Arte EV

 “O risco de um desembargador se travestir em ditador”

 

“O risco de um desembargador se travestir em ditador”

  • Considerações sobre o artigo “Os juízes estão cada vez piores”.
  • A invasão de hackers ao sistema do TJRS foi “cortina de fumaça”.
  • A “pessoa humana” e “os contos de fadas”.
  • Participação dos leitores Marco Aurélio Moreira Bortowski, Paulo Américo de Andrade, Marilena Vieira, Cássio Alexandre Ferrugem, Róberson Azambuja e Josiane Maria Fagundes Escher

Arte EV sobre imagem Visual Hunt

Um surto causado pela abstinência de alvarás... e o surgimento de um hacker “do bem”

 

Um surto causado pela abstinência de alvarás... e o surgimento de um hacker “do bem”

  • Os ciber piratas invadindo as cortes: a Justiça brasileira tem culpa nisso.
  • A pandemia serviu para “justificar” o preexistente caos na prestação jurisdicional.
  • Meros ofícios da OAB não adiantam nada.
  • Participação dos advogados Simone Maria Serafini, Roberson Azambuja, Marlise Kraemer Vieira, Wilson Ademir Nienow, Ana Lúcia Tricate, Juliano Marcolino, Estelamar Scheffer, Carlos Brackmann, Marina Rheingantz Gomes, Luiz Antonio Beck e Taciana Martins de Almeida Faria Neves. E dos aposentados Gilberto Cesar Vieira de Rezende e Rozane Maria Guerra.

Charge de Gerson Kauer

 A imoralidade do auxílio-saúde no TJRS

 

A imoralidade do auxílio-saúde no TJRS

  • O CNJ transformado em legislador concedente de penduricalhos para a magistratura.
  • A delação do ex-presidente da Braskem à polícia de NYC talvez ajude o Brasil.
  • O filho que foi libertado pelo próprio pai, juiz plantonista...
  • Participação dos leitores Altair Pierotti Marcelino, Dagoberto Lins de Vasconcellos,  Rudimar Sérgio Garcez, Amilcar Lemos Zabaletti, Milton José Ferreira de Mello, José Mário de Boni, Ricardo Stelczyk, Índio Ubirajara Abreu de Oliveira Filho, Rodrigo Severino e Thomaz Thompson Flores Neto.

Imagem capitalsearch.com.br

Há advogados que estão de joelhos, ante a crise que acomete a classe

 

Há advogados que estão de joelhos, ante a crise que acomete a classe

  • Pedidos em prol da redução do valor das anuidades. E elogios ao desabafo da advogada Simone Serafini.
  • Novas considerações sobre as duas ações trabalhistas contra a ministra Rosa Weber.
  • Participação dos leitores Walter Jobim Neto, Marco Aurélio Bortowski, Juliano Spall Portela, Marinês Fronza Morbini, Marcelo Vilani, Luiz Carlos Bones e Antonio Carlos Kerber Pinho.

Camera Press

  As ações trabalhistas contra a ministra Rosa

 

As ações trabalhistas contra a ministra Rosa

  • Considerando que a magistrada é oriunda da Justiça do Trabalho, deve agora estar sentindo aquilo que afeta os empregadores alvo de reclamatórias absurdas”.
  • Participação dos leitores Lúcia Maia, Gelmir Reche, Carlos Alberto Janotti, Cristiano Nygaard Becker, Eliza Nunes, Alini Noal, Luiz Mário Seganfreddo, Rosa Maria Frapporti, Rejane de Souza, Claudio Pinheiro, Luizinho Miguel Balen e Cristian D´Ávila Assmann.