Ir para o conteúdo principal

Porto Alegre, sexta-feira, 16 de abril de 2021.
(Próxima edição: terça-feira, 20).

Astuto plano de político brasileiro contra a Covid: spray de álcool gel lançado de aviões



Imagem The Guardian/Romeo Gacad/AFP/Getty Images

Imagem da Matéria

De Canela (RS) para o mundo

A estultícia do vereador Alberi Dias (MDB), de Canela (RS), conseguiu projetar o município gaúcho até nas páginas do sóbrio The Guardian, jornal diário nacional britânico independente, fundado em 1936. Uma de suas manchetes, esta semana, anunciou: “Brazilian politician´s cunning plan to flight Covid: spray hand gel from planes”.

(Em tradução livre, ´Astuto plano de um político brasileiro para fugir da Covid: spray de gel para as mãos lançado de aviões´.)

Dando realce à notícia, foi inserida uma grande e bonita foto de um monomotor amarelinho espargindo consistentes gotas sobre uma linda plantação, bem verdinha.

A matéria produzida pelo jornalista Tom Phillips, que reside no Rio de Janeiro (RJ) – especialmente para o The Guardian - é, adiante, reproduzida pelo Espaço Vital.

“Quando a política é conduzida por homens íntegros, o povo só lucrará”.

Um político brasileiro sugeriu o uso de helicópteros e aviões para borrifar sua cidade com desinfetante para as mãos em uma tentativa desesperada e inútil de destruir o coronavírus de cima.  A proposta misteriosa foi lançada no Sul do Estado do Rio Grande do Sul, esta semana, enquanto o Brasil lutava com a fase mais mortal de seu surto de 13 meses e o número de mortos de Covid no país subia para quase 280.000.

Durante uma reunião de políticos locais na cidade turística de Canela, o vereador Alberi Dias questionou se a aplicação aérea de um gel de álcool para as mãos poderia ajudar. “Temos muitos empresários aqui que possuem helicópteros e aviões ... Não sei se existe uma versão líquida do álcool gel, mas acho que seria uma boa ideia borrifá-lo porque o vírus está no ar. É como se fosse algo de outro mundo ” – disse Dias.

“Eles usam aviões para pulverizar as plantações” - ponderou o político de 50 anos, cujo Estado atualmente está sendo golpeado por um número crescente de infecções e mortes. “Talvez seja uma boa ideia porque o álcool gel não faz mal.”

Um vereador teria rido da proposta de Dias, cujo site oficial traz o slogan: “Quando a política é conduzida por homens íntegros, o povo só lucrará”.

A mídia social repercutiu intensamente, com muitos se perguntando o que aconteceria se os fumantes de Canela decidissem acender seus cigarros. “Esse cara está pronto para ser ministro da Saúde”, tuitou um piadista em referência à decisão do presidente Jair Bolsonaro de demitir seu amplamente ridicularizado ministro da saúde, Eduardo Pazuello, sob cuja vigilância de 10 meses mais de 260.000 brasileiros morreram de Covid-19.

Bolsonaro anunciou a saída de Pazuello na noite de segunda-feira, dizendo aos apoiadores que seu substituto tinha uma compreensão muito melhor dos problemas de saúde. Poucos acreditam que a mudança alterará significativamente a resposta anticientífica do Brasil à epidemia, dada a oposição de longa data de Bolsonaro às medidas de contenção, como distanciamento social e máscaras.

O presidente brasileiro ainda não sugeriu banhar as cidades com desinfetante, mas Bolsonaro repetidamente pressionou remédios não comprovados, como a hidroxicloroquina e o antiparasitário ivermectina, apesar de não haver base científica para seu uso.

Na segunda-feira, uma médica brasileira recusou a oferta para se tornar a nova ministra da Saúde de Bolsonaro, alegando que acreditava na ciência. Um segundo médico, que aceitou o trabalho, ofereceu poucas esperanças de que a crise de saúde no Brasil fosse amenizada em breve.

“Não tenho uma varinha mágica”, disse Marcelo Queiroga, o novo ministro,  a repórteres na terça-feira.


A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser esclarecer, comentar, detalhar, solicitar correção e/ou acréscimo, etc. sobre alguma publicação feita pelo Espaço Vital, envie sua manifestação.

Notícias Relacionadas

A correção monetária pelo IPCA e não mais pelo IGP-M

Liminares reduzem o valor dos alugueis em centros comerciais. Uma decisão favorece restaurante que é locatário no Shopping Bourbon, em Porto Alegre. Julgados semelhantes foram concedidos para favorecer inquilinos do Shopping Iguatemi, em São Paulo.

Possibilitada a recuperação judicial do Figueirense

É o primeiro clube de futebol brasileiro a obter o benefícioDecisão do TJ-SC devolve a ação ao primeiro grau, para a análise integral dos termos da tutela requerida. Dívidas chegam a R$ 165 milhões.

Imagem Ecomax-Cdi.com.br

O Dia Mundial da Incontinência Urinária

 

O Dia Mundial da Incontinência Urinária

Apesar de serem pouco falados, os LUTS (Sintomas do Trato Urinário Inferior) são comuns na população, afetando 59% das mulheres e 40% dos homens acima dos 40 anos. O impacto decorrente do "aperto" por que passou um árbitro de futebol, durante partida da Copa do Brasil, na quinta-feira.