Ir para o conteúdo principal

Porto Alegre, sexta-feira, 14 de maio de 2021.
(Próxima edição: terça-feira, 18).
https://espacovital.com.br/images/smj.jpg

As pilhérias advocatícias depois da invasão de hackers ao sistema eletrônico do TJRS



Foto: Redes Sociais

Imagem da Matéria

  • Pilhérias, nas redes sociais, ontem (29) difundidas por operadores do Direito:

“Tendo em vista o imprevisto ataque de hackers ao nosso invulnerável sistema, o tribunal convoca os advogados a transformarem os seus processos eletrônicos em ações físicas. Pede-se economizar papel”.

"Ante a intromissão desrespeitosa ocorrida no nosso maquinismo, a Corte já está providenciando a liberação reparatória, aos magistrados prejudicados, do individual e necessário auxílio-financeiro anti invasão”.

  • Depósito milionário

O Carrefour depositou na quarta-feira (28) R$ 1,1 milhão para Milena Alves, viúva de Beto Freitas, assassinado em 19 de novembro de 2020, na véspera do Dia da Consciência Negra, na unidade supermercadista do bairro Passo d´Areia, em Porto Alegre. É mais um capítulo da quizila entre Milena e o Carrefour, ainda sem ter sido fechado acordo entre as partes.

O valor de foi depositado em conta para consignação extrajudicial e corresponde à indenização oferecida pela rede francesa. Outros R$ 100 mil foram transferidos diretamente para a conta pessoal de Milena para gastos mais urgentes.

Ela é a única com a negociação de indenização em aberto.   

O braço brasileiro da rede francesa já fechou oito acordos com familiares da vítima: são os quatro filhos, o pai, a irmã, a enteada e a neta de Beto Frias. Seis pessoas estão denunciadas pelo crime.

Apenas duas tiveram suas prisões preventivas mantidas: o policial militar Giovane Gaspar da Silva, de 24 anos, e o segurança Magno Braz Borges, 30 de idade.

  • Câmeras indiscretas

A presença de câmeras em vestiário - masculino ou feminino - causa danos morais a trabalhadores, decidiu a 6ª Turma do TRT-RS, ao condenar a empresa Brado Logística S. A., de Esteio (RS), a pagar indenização (R$ 5 mil) por danos morais a um empregado. Ele se sentiu humilhado pela existência de aparelhos de vídeo no vestiário onde realizada a troca do uniforme.

Segundo o julgado, a presença do equipamento no vestiário, por si só, causa constrangimento aos usuários, sendo irrelevante o fato de o foco da filmagem estar direcionado para os armários e corredores.

Conforme o processo, a instalação fora com o intuito de evitar a ocorrência de furtos nos armários dos funcionários, localizados dentro do vestiário. “Não pode a requerida, sob o pretexto de evitar furtos, expor a intimidade de seus funcionários.

A colocação  de câmeras de monitoramento dentro do vestiário se caracteriza como danosa ao trabalhador”, já tinha apontado a sentença. (Proc. nº 0020341-48.2017.5.04.0282).

  • A volta por cima

Fabio Marzano, diplomata de carreira, será o novo cônsul-geral do Brasil em Paris – um dos mais cobiçados cargos da diplomacia brasileira.

Em dezembro, ele teve rejeitada pelo Senado sua indicação ao cargo de delegado do Brasil junto ao escritório da Organização das Nações Unidas, sediado em Genebra (Suíça).

Foi um raríssimo caso de uma indicação de diplomata ser negada pelos senadores.

  • Alta costura

O Ministério Público Federal arquivou representação contra Jair Bolsonaro por possível violação ao princípio da impessoalidade por promover seu alfaiate em cerimônia no Planalto. Em dezembro passado, o presidente e Michelle Bolsonaro inauguraram, no Planalto, exposição das roupas que usaram na cerimônia de posse em janeiro de 2019.

Em discurso, Bolsonaro disse que ganhou as roupas do alfaiate, que hoje tem ateliê em Brasília: “Quanto mais ternos eu fizer lá, mais eu ganho aqui”.

O MPF considerou que, "ainda que a conduta do presidente da República possa ser considerada não plenamente compatível com o princípio da impessoalidade, as circunstâncias não indicam gravidade suficiente para ensejar a responsabilização cível ou criminal".

Michele E Bolso

A PALAVRA DO LEITOR

Se você quiser esclarecer, comentar, detalhar, solicitar correção e/ou acréscimo, etc. sobre alguma publicação feita pelo Espaço Vital, envie sua manifestação.

Mais artigos do autor

Imagens Youtube

E se o crime cometido pelo estadunidense Derek Chauvin tivesse ocorrido no Brasil?

 

E se o crime cometido pelo estadunidense Derek Chauvin tivesse ocorrido no Brasil?

  • Mesmo que a bondosa Justiça brasileira visse dolo na ação do policial, se o assassino tivesse bons advogados, ele poderia ficar na boa, até o crime prescrever.
  • Reconhecimento de pessoa “agênero” – em sentença da Justiça de Santa Catarina.
  • O pacote de notas que Davi Alcolumbre preparou em causa própria.
  • Projeto abre prazo de quatro meses para nova repatriação de divisas que não foram declaradas à Receita Federal.
  • Pãezinhos só poderão ser vendidos a preço de quilo.

Best H Q Wall Papers – imagem meramente ilustrativa

Covid-19: depois de extubada, contadora recebe pedido de casamento com direito a flores e a aliança

 

Covid-19: depois de extubada, contadora recebe pedido de casamento com direito a flores e a aliança

  • Mantendo união estável com um taxista há 9 anos, o sonho dela era o matrimônio.
  • TST defere o adicional (30%) de periculosidade a um trabalhador de farmácia (Panvel) instalada num posto de combustíveis em São Leopoldo (RS).
  • Empréstimos em conta-salário: STJ vai definir a aplicabilidade, ou não, da limitação de 30% prevista na Lei nº 10.820/2003.
  • Renan Calheiros: 17 lentos inquéritos no STF.
  • Cancelamento de voos aumentou 63%.

PNG Egg

Prestação jurisdicional instantânea

 

Prestação jurisdicional instantânea

Operador forense printa a tela do sistema processual do TRT-12 e se surpreende com a velocidade: decisão em embargos de declaração demorou apenas dois minutos e oito segundos.

Imagem Deposit Photos

O espantoso crescimento dos HCs interpostos no Supremo

 

O espantoso crescimento dos HCs interpostos no Supremo

  • Para chegar aos primeiros 100 mil foram necessários 139 anos. E em apenas 12 anos chegou-se ao número 200 mil.
  • Dano reputacional: Confederação de Tiro e Caça do Brasil condenada a indenizar a gaúcha Taurus Armas.
  • TST reforma julgado do TRT-4 e reconhece ser possível cumular penosidade e periculosidade.
  • Ricardo Teixeira do Valle Pereira será o novo presidente do TRF-4